Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Metalismo: entenda o conceito para estudar

O Metalismo, também conhecido como Bulionismo, é uma das esferas do sistema mercantilista, juntamente com o protecionismo. 

Neste conceito, a riqueza de um país é baseada por meio do acúmulo de metais preciosos, como por exemplo, ouro e prata. 

O Metalismo poderá ser cobrado em questões do Enem e vestibulares, acompanhe o post e saiba mais sobre o assunto! 

Metalismo: Resumo

Entre os séculos XVI e XVII as nações que utilizaram a política do metalismo tinham como objetivo a consolidação do absolutismo vigente, onde os poderes eram concentrados na figura do Rei. 

Essa política consegue explicar a imensa procura por metais preciosos através das grandes navegações comerciais e as conquistas além do mar pelas nações ibéricas. 

Vale destacar que Espanha e Portugal foram protagonistas e os primeiros a explorar e conquistar territórios no continente americano. 

Por conta da figura do rei, o mercantilismo foi o sistema econômico utilizado por esses países. 

Durante essa época de conquistas e vitórias, a Espanha foi o primeiro país a possuir ideais metalistas com a exploração e acúmulo de metais preciosos, como por exemplo, ouro e prata. 

Esses metais eram extraídos das novas colônias, principalmente na região do México e Peru, sendo inteiramente destinados à Metrópole. 

Contudo, mesmo tendo sido utilizado por um longo período de tempo, o metalismo na Espanha corroborou para o aparecimento de uma inflação no país, afinal os espanhóis deixaram de lado a balança comercial favorável, uma grande característica do mercantilismo. 

Logo, ao contrário de conseguir o tão esperado superávit, ou seja, conseguir exportar mais do que importar, a economia da Espanha acabou quebrando, por conta da superação das importações, corroborando para o déficit inflacionário da balança comercial favorável com a diminuição do valor de exportação. 

A partir daí, não aconteceu o desenvolvimento do comércio, indústria e agricultura na Espanha, tendo em vista que as mercadorias importadas eram quitadas com metais preciosos, fator que ajudou na criação de uma enorme crise econômica que durou anos. 

Já para os portugueses, a política metalista aconteceu mais tardiamente, em meados do século XVIII, por conta da descoberta de ouro na região de Minas Gerais, o popular “Ciclo do Ouro”. 

E então, gostou de saber um pouco mais sobre o metalismo?

Não deixe de ler também – Dicas de como estudar de forma produtiva com pouco espaço 

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.