Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

MEC lança Programa Educação e Família; conheça o que é

O Ministério da Educação (MEC) lançou o Programa Educação e Família, que busca promover o envolvimento das famílias na vida escolar dos filhos por meio de uma interação mais permanente com as unidades escolares. 

Em 2021, segundo o ministério, o programa atenderá 5.755 escolas da educação básica, que precisarão desenvolver e colocar em prática estratégias para aumentar e qualificar a participação das famílias. 

No ano de 2022, o programa estima atender mais 17 mil escolas. O total de recursos distribuídos em 2021 será de R$16 milhões.

“Nós ainda acreditamos que, de fato, a escola ensina, mas a família educa”, afirmou Milton Ribeiro, ministro da Educação, durante o evento de lançamento do programa. 

Para Mauro Rabelo, secretário de Educação Básica do MEC, para que o programa se concretize, é preciso que as escolas desenvolvam mecanismos para atrair as famílias, gerando ideias e soluções.

“Materializando-as em um plano de ação que contemple metas, prazos e custos das atividades que serão realizadas, tais como oficinas, visitas guiadas, cursos, palestras, atividades voluntárias, entre outros” disse o secretário. 

Ações estratégicas

De acordo com o governo federal, o Programa Educação e Família concentra-se em quatro ações estratégicas, são elas:

  • Repasse de recursos financeiros por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) para as unidades educacionais selecionadas. 
  • Processo de formação continuada, ofertadas principalmente em ambiente virtual, para professores, pais e alunos. 
  • Fortalecimento e ampliação do conselho escolar, com destaque para maior participação da família no colegiado. 
  • Disseminação do uso do aplicativo Clique Escola. 

Através do aplicativo, as famílias conseguirão fiscalizar os recursos recebidos e colaborar com a gestão das escolas.  

As informações foram divulgadas pela Agência Brasil

E então, gostou da matéria? Compartilhe com quem precisa saber disso!

Não deixe de ler também – Auxílio Emergencial: Cerca de 5 milhões de beneficiários do Bolsa Família serão excluídos

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.