Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

João Guimarães Rosa: vida e principais obras

Um dos maiores autores da literatura brasileira

João Guimarães Rosa: resumo sobre o autor e seus livros

João Guimarães Rosa é considerado um dos principais autores de toda a literatura brasileira. Dessa forma, não é de se surpreender que perguntas sobre as suas obras e as características das mesmas estejam presentes com frequência nos principias vestibulares do país.

Assim, para te ajudar, o artigo de hoje trouxe um resumo que contém os principais aspectos da vida desse autor e de suas produções literárias.

Quem foi João Guimarães Rosa?

Médico de formação, João Guimarães Rosa foi escritor, diplomata, contista e romancista e teve sua importância no século XX. Rosa nasceu em Cordisburgo, cidade do estado de Minas Gerais, em 27 de junho de 1908 e faleceu no dia 19 de novembro de 1967.

Rosa era um homem extremamente culto, sabia falar nove idiomas e, após prestar concurso no Itamarati, iniciou sua carreira de diplomata. Entre os anos de 1938 e 1944, Guimarães Rosa exerceu o cago de cônsul-adjunto na cidade de Hamburgo, na Alemanha. Rosa seria preso no país logo após o rompimento da aliança com o Brasil, em função da Segunda Guerra Mundial.

Ainda, Rosa realizou extensas pesquisas linguísticas, nas quais cuidadosamente analisava as diversidades linguísticas do país, principalmente aquelas presentes no sertão nordestino.

As contribuições de Guimarães Rosa para a literatura brasileira lhe valeram a indicação para ocupar a cadeira número 2 da Academia Brasileira de Letras, o que ocorreu em 1963.

João Guimarães Rosa: obras

Sua obra mais conhecida, “Grande Sertão: Veredas”, é um dos romances mais importantes de toda a literatura brasileira e foi traduzido para muitos outros idiomas. O livro surgiu como resultado da participação do autor na condução de uma boiada, que durou dez dias, pelo sertão mineiro. Esse evento foi crucial para que Rosa pudesse ter contato direto com as histórias do povo que vive no sertão e as variedades linguísticas que podem ser observadas nos diálogos dos mesmos. Ainda, o romance, único escrito por Guimarães Rosa, é repleto de experimentos linguísticos, nos quais o escritor brinca com referências regionais e populares.

Outra obra muito conhecida de Guimarães Rosa é “Sagarana” que, por muito tempo, fez parte da lista de livros obrigatórios do vestibular da Fuvest. O livro é composto por diversos contos, sendo um dos de maior destaque “A hora e a vez de Augusto Matraga”. Ainda, “Primeiras Estórias” e “A Terceira Margem do Rio” podem ser citadas como outras produções de grande importância do mesmo autor.

João Guimarães Rosa: características

Dentre as principais características das obras de Guimarães Rosa, podemos citar:

  • Regionalismo, ou seja, presença de elementos de determinadas culturas regionais ao lado de temáticas universais (morte, amor, medo, etc)
  • Reflexões existenciais
  • Fragmentação da narrativa
  • Uso de linguagem poética
  • Uso de neologismos
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.