Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

INSS 2021: Quando o 14º salário será liberado?

Desde de 2020, parlamentares tentam obter apoio em seus projetos para viabilizar o pagamento de um 14º salário aos segurados.

Devido a permanência da pandemia da Covid-19, o Governo Federal antecipou pela segunda vez o pagamento do 13º salário aos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Desde de 2020, parlamentares tentam obter apoio em seus projetos para viabilizar o pagamento de um 14º salário aos segurados. O objetivo seria beneficiá-los com mais um salário extra, tendo em vista que ficariam sem o benefício no final do ano.

No entanto, como as propostas relacionadas ao assunto não conseguiram sair do papel no ano passado, os políticos estão tentando implementá-las ainda em 2021. Todavia, há muitas questões a serem analisadas. Confira.

14º salário do INSS

Como ressaltado, a possibilidade da criação de um 14º salário surgiu em 2020. Na ocasião, duas propostas foram apresentadas, sendo uma no Senado Federa e a outra na Câmara do Deputados.

Na casa dos senadores, o Projeto de Lei 3.657/2020 foi apresentado pelo senador Paulo Paim. O texto prevê a liberação de mais uma rodada do 13º salário, beneficiando os mesmos segurados com seus respectivos valores.

Na Câmara, o deputado Pompeo de Mattos apresentou o Projeto de Lei nº 4.367/2020. O documento visa a criação de um novo benefício anual, especificamente, o 14º salário emergencial.

Ambos os políticos justificam suas sugestões no atual cenário do país, que se encontra debilitado devido a pandemia do coronavírus. Além de destacar a ausência do salário extra no fim do ano, os políticos salientam a necessidade desses segurados, sendo eles, muitas vezes o provedor de seus lares.

Todavia, a liberação de uma das propostas traria uma série de contratempos ao Governo Federal, do aceite dos primeiros termos a liberação da verba para custeá-la.

O14º salário será liberado em 2021?

Em síntese, é pouco provável que o 14º salário para os aposentados e pensionistas do INSS seja liberado este ano. Inicialmente, vale destacar a falta de interesse parlamentar sobre o assunto. A questão, é que quando uma medida é definida por um político parlamentar, seja ele a favor ou contra o governo, as dificuldades encontradas são maiores.

Além disso, cabe considerar um dos detalhes mais importante, o Orçamento da União. Os dois projetos de Lei demandariam um investimento maior para o INSS, tanto no passado como para este ano. Neste sentido, salientando a não previsão dos recursos para custear uma das propostas, é praticamente impossível que o 14º salário seja liberado.

Para fins de esclarecimento, o impacto previsto nos cofres públicos causado pelos pagamentos do 13º salário este ano, foi de R$ 50 bilhões. Um novo pagamento nos mesmos moldes, iria precisar de um financiamento igual, o que no momento é inviável.

O prazo para que uma das medidas fosse viabilizada também é curto. A expectativa, era que a distribuição acontecesse entre os meses do segundo semestre do ano. Ressaltando que uma das propostas deveria passar por votação até chegar a sansão presidencial, o período de liberação seria ultrapassado.

Posto isto, é provável que mais uma vez os segurados do INSS fiquem sem a liberação do 14º salário, sendo os projetos de lei arquivados novamente.

Veja também: INSS: liberado novo calendário com pagamentos até dezembro

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
7 Comentários
  1. José Riberto Diz

    Nossa arma é o voto, portanto, devemos observar os políticos que agem em nosso favor e apoiarmos os mesmos, ou outros serão apenas restos.

  2. Paulo Aparecido Tiso Diz

    Pois o que estão esperando para aprovar o décimo quarto salário sendo que os aposentados não tiveram nenhuma ajuda vamos ver senhores parlamentares vamos tirar do papel nem possível que vão deixar os aposentados na mão em 2021

  3. Carlos Diz

    SÓ vendo pra crer

  4. Claudia Diz

    Se os representantes do povo como diz os políticos diminuísse um pouco das suas mordomias privilegiada daria muito bem de pagar o décimo quarto, um auxílio emergencial mais digno pro povo brasileiro, pq só com um cafezinho ou um almoço deles daria pra dar pra um salário digno pra umas família brasileira, mas nenhum político entra na política pra ajudar o povo brasileiro mas sim a eles mesmo, fora o que eles roubam em verbas, e outras negociações que eles fazem que gera milhões e o povo se ferrando como sempre

  5. Luis Diz

    Palhaçada ficam só iludindo os aposentados.vamos dar o troco nas urnas.cambada de vaciloes

  6. Romulo Diz

    Quem mais perdeu na pandemia, foram os aposentados e pensionistas do INSS.
    Mesmo tendo adiantado o 13º salário, o ganho real não existiu.
    Muitos estão passando por privações, enquanto o Governo Bolsonaro se diverte.
    E o Congresso Nacional? Não estão nem ai para o povo. É preciso mudar isso nas próximas eleições colocando gente nova.

  7. Rogerio Ottoni Ferreira Diz

    Se a classe politica cleptocrata do nosso querido pais reduzisse em 10% seus ganhos privilegiados , haveria dinheiro não só pra um 14º salario como tambem uma ajuda emergencial bem mais digna do que R$150

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.