Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

Inflação: elevação dos preços dos combustíveis, remédios e alimentos

A elevação dos preços dos combustíveis, remédios e alimentos impactam as projeções da inflação para 2022. Veja mais detalhes!

Conforme informações oficiais do Banco Central do Brasil (BCB), o IPCA de novembro de 2021 só foi divulgado após a data de corte do Relatório de Inflação de dezembro, não pertencendo ao conjunto de informações usadas na construção da projeção apresentada no relatório anterior.

Inflação: elevação dos preços dos combustíveis, remédios e alimentos

A mediana da inflação acumulada em dezembro, janeiro e fevereiro projetada pelos participantes do Focus em 3.12.2021 foi 1,97%. Os percentis 10 e 90 da distribuição foram 1,67% e 2,38%, respectivamente, pormenoriza o Banco Central do Brasil (BCB).

A principal pressão sobre a inflação ao consumidor no próximo trimestre decorre dos preços de combustíveis, refletindo a recente elevação do preço do petróleo, explica o Banco Central do Brasil (BCB).

A contribuição dos preços administrados

Segundo destaca o Banco Central do Brasil (BCB), os reajustes dos preços de produtos farmacêuticos, que sofrem grande influência da inflação passada, também devem ter importante contribuição.

A contribuição dos preços administrados para a inflação no trimestre só não será maior porque é esperado, para maio, o fim da bandeira de escassez hídrica e transição para bandeira amarela. 

Impactos da guerra entre Rússia e Ucrânia também são esperados sobre preços livres

Impactos da guerra entre Rússia e Ucrânia também são esperados sobre preços livres, informa o Banco Central do Brasil (BCB). Além disso, os alimentos devem ter alta importante, repercutindo esse choque e a continuidade dos efeitos do clima extremo. 

A persistência das pressões sobre as cadeias de suprimentos

Espera-se que os preços de bens industrializados continuem apresentando alta relevante, apesar da redução das alíquotas de IPI, considerando a persistência das pressões sobre as cadeias de suprimentos e os preços de commodities, que foram inclusive agravadas pelo conflito. 

A inflação de serviços no trimestre deve recuar 

Conforme definição do Banco Central do Brasil (BCB), a inflação de serviços no trimestre deve recuar com a passagem do reajuste das mensalidades escolares mas se manter em patamar elevado, em especial o seu componente subjacente, que tem evolução mais suave e maior influência da inércia inflacionária. 

Com isso, as diversas medidas de inflação subjacente devem se manter acima do intervalo compatível com o cumprimento da meta para a inflação no período, destaca o Banco Central do Brasil (BCB).

O preço do petróleo segue trajetória contínua de crescimento

Por sua vez, no cenário em que o preço do petróleo segue trajetória contínua de crescimento à taxa de 2% a.a., as projeções são 1,02%, 1,21% e -0,09% para os meses de março, abril e maio, respectivamente, informa o Banco Central do Brasil (BCB) em sua plataforma oficial.

5/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.