Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.9/5 - (8 votes)

Governo revela quem será o público-alvo do Vale-Gás de R$52

De acordo com o Ministro da Cidadania, vale-gás vai para pessoas que estão em condição de extrema-pobreza neste primeiro momento

O Governo Federal começou nesta semana os primeiros pagamentos do ano em seu vale-gás nacional. De acordo com o Ministério da Cidadania, algo em torno de 5,4 milhões de pessoas estão recebendo esse benefício durante este mês de janeiro. Nesta quinta-feira (20), por exemplo, recebem os usuários que possuem o Número de Inscrição Social (NIS) terminando em 3.

Em entrevista nesta semana, o Ministro da Cidadania, João Roma, disse que pelo menos neste primeiro momento, o programa está sendo destinado apenas para as pessoas que estão em situação de extrema-pobreza. São, portanto, brasileiros que recebem de maneira per capita valores de até R$ 105.

“O Auxílio Gás começou a ser pago em dezembro com foco prioritário nas famílias das cidades com calamidades ocasionada pelas chuvas e, na sequência, agora em janeiro, para 5,5 milhões de famílias, justamente as famílias que estão na faixa da extrema pobreza”, disse o Ministro em entrevista para o Portal de Notícias UOL.

No projeto original do vale-gás nacional, a regra é outra. Segundo consta no texto, as pessoas que têm direito ao programa são aquelas que possuem um cadastro ativo no Cadúnico e que possuem uma renda per capita de até meio salário mínimo, ou seja, R$ 606. Engloba portanto um grupo que vai além daqueles que estão em situação de extrema-pobreza.

O Governo explica que não haveria espaço suficiente no orçamento do programa para fazer os pagamentos para todas essas pessoas. Por isso, eles decidiram lançar um novo decreto delimitando ainda mais esse grupo de usuários. Foi justamente aí que eles decidiram dar preferência para que cidadãos de menor renda recebam.

Como funciona o decreto

Para quem ainda não sabe, o decreto que o Governo Federal baixou para o vale-gás nacional diz sobre a questão da delimitação das regras do programa. Eles decidiram portanto dar preferência para as pessoas que estão no Auxílio Brasil.

Além disso, terão prioridade também os usuários que fazem parte das famílias mais numerosas. E como dito, eles também deixaram claro que as pessoas com as menores rendas também poderiam receber o montante.

O que isso significa

Na prática, tudo isso significa que o número de usuários do vale-gás nacional vai ser muito menor do que se esperava. Originalmente, se entendia que algo em torno de 24 milhões de usuários poderiam receber esse direito.

Porém, o fato é que apenas 5,4 milhões poderão pegar esse dinheiro, conforme dados do próprio Ministério da Cidadania. Isso ainda pode mudar, porém, esse é o retrato que temos para este mês de janeiro.

Vale-gás NACIONAL

Recentemente, o Governo Federal anunciou que vai usar o mesmo calendário do Auxílio Brasil também para o vale-gás nacional. É por isso que os pagamentos serão feitos sempre nas mesmas datas para os mesmos grupos.

Nesta quinta-feira (20), por exemplo, quem recebe os dois programas vai poder pegar o Auxílio Brasil e o vale-gás também. Os dois benefícios irão cair ao mesmo tempo na mesma conta. Pelo menos esse é o plano do Governo Federal.

3.9/5 - (8 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

2 Comentários
  1. Flavia Pinheiro Oliveira Diz

    Flavia Pinheiro Oliveira

  2. Edineide Santana de Brito Diz

    Edineide Santana de Brito

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.