Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Gênero Textual: como produzir um Relatório

O relatório é um gênero textual que ainda causa muitas dúvidas na horas da produção. Ele aparece em diversos momentos da vida do profissional e também faz parte da rotina acadêmica. As informações contidas em um relatório são cruciais e, portanto, seguem um padrão de registro.

O objetivo de um relatório, como o próprio nome já diz, é relatar um evento, fato, ou acontecimento relevante, além de registrar dados. Eles são utilizados em reuniões, simpósios, pesquisas científicas e até em alguns estágios. Uma de suas principais características é o seu formato, a redação técnica, com linguagem formal, e discurso claro, direto, e objetivo.

Desse modo, o relatório deve reunir de modo detalhado o processo de desenvolvimento de um trabalho. Ele contém informações como a metodologia aplicada, o recorte escolhido, os autores pesquisados, entre outros.

Como é a estrutura de um relatório?

A estrutura do relatório é constituída por capa, introdução, desenvolvimento, conclusão e bibliografia. As regras para a capa, ou a folha de rosto, podem variar de acordo com o modelo de cada instituição. Portanto, o primeiro passo é pesquisar qual modelo usar como referência.

Em seguida, é preciso definir um título que esteja coerente com assunto abordado ao longo do trabalho. Na introdução, deve-se apresentar um breve resumo sobre a natureza da pesquisa, os objetivos e a metodologia usada.

O desenvolvimento é a parte mais complexa pois exige um esclarecimento pormenorizado dos dados obtidos durante todo o projeto. Desse modo, pode mostrar os dados em detalhes. Além disso, é nessa parte do texto em que se deve inserir as entrevistas, os gráficos, formulários etc. Nesse sentido, uma dica é organizar seu texto a partir de tópicos.

Na conclusão, o autor deve encerrar com uma síntese sobre as ideias principais. Pode também apresentar um comentário de teor crítico. Ao final, em uma folha separada, deve-se  fazer uma lista de referência para registrar todo o material de cunho bibliográfico que foi usado para a realização da pesquisa.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia O que fazer se “der um branco” na prova? Veja três dicas.

Veja também 5 filmes do Oscar 2021 para estudar para o seu vestibular.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.