Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Falta de tempo pode resultar em crises de ansiedade e até na síndrome de Burnout

photo-1456406644174-8ddd4cd52a06
Banco de Imagens: Unsplash

A rotina cada vez mais intensa de trabalhos, estudos e afazeres de casa vem resultando em graves consequências à saúde do corpo e mente.

A cada dia, a sociedade valoriza mais o excesso de trabalho, fazendo com que os períodos de descanso, sejam considerados improdutivos ou “perda de tempo”.

Esta questão é muito frequente na vida de autônomos, que buscam através da quantidade de trabalho, suprir as necessidades de sobrevivência ou até entram em ciclos viciosos, onde ganhar mais e mais acaba sendo o propósito de vida.

Mesmo com as 24 horas por dia, o tempo acaba sendo pouco para conciliar tantos compromissos, o que faz pequenos momentos de descanso, hobbies ou até a prática de atividades físicas serem suspensas, a fim de atender as demandas do trabalho.

O resultado de tudo isso pode até conferir em certo aumento financeiro, entretanto, em contrapartida podem surgir diversas consequências prejudiciais à saúde, como por exemplo, a ansiedade e até a síndrome de burnout.

Autocuidado X Saúde Mental

photo-1521175776577-f8e0c1e5ecb7
Banco de Imagens: Unsplash

O corpo e a mente humana precisam equilibrar atividades de estimulo e descanso ao longo do dia.

Além de garantir no mínimo seis horas de sono por noite, o descanso também deve acontecer em período consciente. E para isso, não é preciso ficar sem fazer nada, basta dedicar um tempo para relaxar e desfocar das preocupações diárias.

Principalmente quando a rotina do trabalho for intensa, é essencial tirar alguns minutos do dia para aliviar a tensão e recuperar as energias. Ler um trecho do livro preferido, ouvir uma música relaxante ou um simples e breve alongamento pode garantir um efeito extremamente benéfico quando associados diariamente.

Além desses curtos intervalos, também é essencial tirar um tempo do dia para praticar uma atividade física. A Organização Mundial da Saúde sugere a prática de 40 minutos do dia para prevenir diversas doenças e melhorar a qualidade de vida.

Durante a prática de atividade física, o corpo libera endorfina, hormônio associado ao prazer, que reforça a energia e disposição para seguir com as tarefas ao longo do dia.

Consequências da falta de tempo e autocuidado

O estresse emocional associado à falta de tempo, já é uma grande transtorno, entretanto, ele pode ser considerado apenas um gatilho, visto as agravações que pode ocorrer a partir desta condição.

A falta de tempo pode desequilibrar os cuidados diários do dia a dia, como por exemplo, uma alimentação equilibrada, uma boa noite de sono, a prática de atividades físicas e até mesmo, o fato de atender as necessidades fisiológicas no momento adequado.

Essa sobrecarga de compromissos faz com que a mente entre em um ciclo de hiperatividade, onde os descansos acabam sendo considerados momentos improdutivos. Como consequência disso, a ansiedade surge.

Outro quadro associado à falta de tempo, e logo de autocuidado é a Síndrome de Burnout. Este distúrbio psíquico é causado pela exaustão extrema, conhecida também como esgotamento profissional.

Os principais sintomas da Síndrome de Burnout são:

  • Incapacidade de desfocar do trabalho em momentos de descanso
  • Autonegligência (negação das próprias necessidades como bom sono e alimentação)
  • Reinterpretação de valores (momentos de lazer são vistos como insignificantes)
  • Distanciamento social
  • Medo e insegurança (geralmente esses sentimentos acontecem no período da manhã, em vista da ansiedade a cerca do excesso de trabalho que vem pela frente)

Tanto a ansiedade quanto a Síndrome de Burnout devem ser tratados com auxílio médico, a fim de não gerar consequências ainda mais prejudiciais.

A prevenção dessas condições pode estar associada ao equilíbrio das tarefas, dividindo ao longo do dia, os compromissos de trabalho com momentos de descanso e lazer.

 

 

 

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.