Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Estude os 3 tipos de erupções vulcânicas

Conheça cada uma delas

Embora nem todas as erupções vulcânicas sejam iguais, elas geralmente se enquadram em uma de duas categorias: efusivas ou explosivas.

Erupções efusivas

Erupções efusivas são aquelas em que a lava escorre de um vulcão com relativa suavidade. Como explicam os especialistas, essas erupções são menos violentas porque o magma que as produz tende a ser fino e escorrendo.

Isso permite que os gases dentro do magma escapem mais facilmente da superfície, minimizando assim a atividade explosiva.

Geólogos notaram que erupções efusivas geralmente se comportam de uma de algumas maneiras. Se a lava derretida flui de longas fissuras (rachaduras lineares profundas na crosta terrestre), o estilo de erupção é chamado de “islandês”, em homenagem à atividade vulcânica na Islândia, onde esse comportamento comumente ocorre.

Se um vulcão exibe “fonte” de lava e fluxos de lava fluindo de sua boca e fissuras ao redor, ele é descrito como ” havaiano “.

Explosivas

Quando o magma tem uma consistência mais espessa e viscosa (como uma pasta de dente), os gases presos nele não são liberados tão facilmente.

Em vez disso, os gases formam bolhas que se expandem rapidamente, causando explosões de lava. Quanto mais bolhas o magma se desenvolver, mais explosiva será a erupção.

Hidrovulcânicas

À medida que o magma sobe pela crosta terrestre, às vezes encontra água subterrânea de aquíferos, lençóis freáticos e calotas polares em degelo.

Como o magma é várias vezes mais quente do que o ponto de ebulição da água (212 graus F), a água superaquece ou se converte em vapor quase instantaneamente.

Essa conversão instantânea de água líquida em vapor d’água leva o interior do vulcão a sobre pressurizar (lembre-se de que os gases exercem uma força maior em seus recipientes do que os líquidos), mas como esse aumento de pressão não tem para onde escapar, ele empurra para fora, fraturando

A rocha ao redor e sobe pelo conduto do vulcão até chegar à superfície, expelindo uma mistura de lava mais vapor, água, cinzas e tefra (fragmentos de rocha).

Se as rochas quentes aquecidas por magma, ao invés do próprio magma, interagirem com a água subterrânea ou neve e gelo, apenas vapor, água, cinzas e tefra são expelidos sem lava. Essas erupções de explosão de vapor sem lava são conhecidas como erupções “freáticas”.

Quanto tempo duram as erupções?

Uma vez que uma erupção ocorre, ela dura até que a câmara magmática local seja esvaziada, ou até que material suficiente escape para que a pressão dentro do vulcão se iguale.

Dito isso, uma única erupção pode durar de um dia a décadas, mas de acordo com especialistas, sete semanas é a média.

E então, curtiu conhecer os três tipos de erupções vulcânicas?

Não deixe de ler também – Curiosidade: Como funciona a atividade vulcânica

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.