Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4 soluções para ser um estudante menos estressado

Embora o estresse seja inevitável para os estudantes, não é algo, definitivamente, que precisa destruir a vida ou afetar seu desempenho acadêmico drasticamente.

Essa sensação, que nada mais é do que uma resposta do corpo para certas situações vivenciadas, ocorre com quem estuda para as mais diversas finalidades.

Pode acometer alunos da educação básica que se sentem muito pressionados, pré-vestibulandos que precisam conciliar muitas tarefas, bem como concurseiros, que vivem altas emoções com tantas matérias para estudar.

Enfim, de fato, há um cenário que favorece o surgimento do estresse em estudantes. Como então evitar isso ou, pelo menos, amenizar esses momentos? Confira algumas dicas que podem solucionar seu problema.

1. Pense em possibilidades positivas, não em catástrofes

Segundo Kathryn Tristan, cientista da Universidade de Washington, “a maneira menos útil de nos preocupar e estressar é imaginar que o pior desastre possível pode acontecer”. Ela chama isso de “aterrorizante”. Um pensamento negativo leva a outro, e antes que você perceba, está visualizando todas as maneiras como vai ser reprovado não só nas provas, mas na vida como um todo.

2. Concentre-se em estratégias de estudo que funcionam

Não há nada mais estressante do que estudar na noite anterior à prova da faculdade ou então somente umas semanas antes de um concurso. Além de ser pressão pura, é naturalmente impossível absorver todas as informações necessárias.

Além disso, seguindo esse cronograma, você não dorme o suficiente, sabotando sua capacidade de se concentrar e pensar com clareza no dia seguinte.

Por isso indicamos que você divida grandes projetos em várias tarefas menores. Mantenha um planejador e estabeleça prazos para cada disciplina que precisa aprender.

Também é fundamental estudar de forma inteligente. Por exemplo, algumas pesquisas descobriram que hábitos comuns de estudo, como somente ler e assistir a uma aula, não são tão eficazes sozinhos. O ideal mesmo é agregar outras fórmulas, como anotações, flashcards, mapas mentais, etc.

Conheça os principais métodos de estudo para Concursos Públicos

3. Mexa-se

De acordo com Kathryn Tristan, cientista da Universidade de Washington “a movimentação é uma maneira natural de limpar a energia bloqueada e estressada”.

Isso melhora o seu humor, reduz a ansiedade e ajuda você a pensar com mais clareza. Escolha atividades que você realmente goste , como caminhar, correr, dançar ou exercícios aeróbicos.

4 exercícios físicos simples para melhorar o desempenho de estudantes

4. Sintonize o presente

Em vez de relembrar o passado ou prever um futuro terrível, concentre-se no momento presente. Uma sugestão é fazer a si mesmo determinadas perguntas-chave várias vezes ao dia. Por exemplo:

  • “O que eu vejo?” – Isso ajuda você a se firmar e interrompe pensamentos estressantes.
  • “O que eu ouço?” – Faz você “se concentrar em outras coisas em sua vida”.
  • “Estou me sentindo estressado?” – Aprender a reconhecer quando você está estressado ou então ansioso é o primeiro passo para fazer algo saudável a respeito.
  • “Como posso mudar isso?” – Escolha uma maneira de gerenciar seu estresse, fazendo exercícios, coisas que gosta, se alimentando e dormindo melhor, por exemplo.

Além disso, cientistas recomendam fazer quatro respirações profundas. “Estressado, a respiração superficial é automática, e você pode assumir o controle e fazer a respiração diafragmática ou abdominal para restaurar a sensação de calma.”

Não deixe de ler também outro artigo interessante:

4 exercícios de atenção plena para estudantes

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.