Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Escola abre inscrições para formação pedagógica em educação étnica-racial

A escola de educação infantil afro-brasileira e bilíngue Maria Felipa, em Salvador, na Bahia, abriu inscrições para o ciclo de formação pedagógica em educação étnica-racial

O ciclo de formação acontecerá entre os dias 28 e 30 de junho e tem como objetivo a presença de gestores, coordenadores, profissionais da educação e demais interessados. 

Além disso, o evento busca construir em grupo uma perspectiva da educação emancipadora e diversificada, respeitando as múltiplas maneiras de existir. 

As atividades têm como ponto central a divisão das práticas e referenciais teóricos da própria entidade, visando uma educação antirracista e nas cosmopercepções dos povos indígenas e africanos. 

Além disso, também fortalece caminhos possíveis na busca por um mundo igualitário, diverso e que se reinvente através de tecnologias e saberes ancestrais. 

O ensinamento ocorrerá no Google Meet, e terá duração de duas horas por dia, entre 19h e 21h, com uma taxa de inscrição de R$ 60, e as inscrições estarão abertas até o dia 26 de junho, clique aqui para fazer a sua. 

As sessões serão abertas pela escritora e ativista indígena Eliane Potiguara, no dia 28, ela falará sobre o tema “A importância da literatura indígena no movimento indígena”.

Já no dia 29 os participantes compartilharão conhecimento com a Dra. Vanda Machado, acerca do tema “Oralidade e ancestralidade na escola”. 

Por fim, em 30 de junho, Giselda Perê, educadora e contadora de histórias africanas falará sobre “A mitologia africana da educação infantil”. 

Programação da formação pedagógica em educação étnica-racial

 

Veja abaixo o cronograma com os temas, horários e dias que serão ministrados os debates. 

No dia 28 de junho, o tema será: “A importância da Literatura Indígena no movimento Indígena”, ministrado pela professora, escritora e ativista indígena Eliane Potiguara, 

Já no dia 29 de junho, o tema será: “Oralidade e Ancestralidade na Escola” ministrado pela professora e escritora Vanda Machado, o horário será das 19h às 21h. 

No dia 30, último dia do ciclo, o tema será: “A Mitologia Africana da Educação Infantil Escolar” ministrado pela professora Giselda Perê, o horário será das 19h às 21h. 

E então, gostou da matéria? Compartilhe com quem precisa saber disto! 

Não deixe de ler também – Novo Bolsa Família deve chegar na casa de 17 milhões, diz jornal.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.