Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

SP: Governo abre inscrições para curso de Libras para professores

Até a próxima quarta-feira (21) professores e demais profissionais da rede estadual de ensino podem se inscrever no curso de Língua Brasileira de Sinais (Libras).

A capacitação visa democratizar o ensino do idioma, que atualmente se concentra na comunidade surda.

De acordo com estudiosos, poucos os profissionais têm qualificação para atender alunos surdos por que não conhecem Libras.

O curso de Libras oferecido pelo governo de SP, a saber, acontecerá do dia 27 de outubro a 15 de dezembro. Ou seja, quase dois meses de aulas para potencializar a inclusão dos deficientes auditivos e pessoas com surdez nas escolas estaduais.

Segundo a descrição do devido curso, as aulas terão como objetivo melhorar a comunicação das equipes. Com mais profissionais que conhecem a língua ficará mais fácil de gerir qualquer atividade inclusiva.

Vagas do curso de Libras

As vagas do curso de Libras se destinam a servidores de magistério, apoio escolar e da Secretaria da Educação. Além disso, profissionais das redes municipais de ensino.

Divididas em três módulos, as aulas totalizarão 40 horas e serão ministradas às terças e quintas-feiras, das 17h15 às 18h45, em ambiente virtual.

A ação é organizada pelas Secretarias dos Direitos da Pessoa com Deficiência e de Educação, por meio da Escola de Formação e Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação (Efape).

Para realizar a inscrição e participar do curso, basta acessar o site da instituição clicando aqui.

De acordo com o governo estadual, o estado de São Paulo tem mais de 3 milhões de cidadãos com deficiência. Ao todo, 14,49% declaram ter deficiência auditiva.

Reabertura de escolas em SP divide opiniões

Uma pesquisa realizada em conjunto pelo Ibope, TV Globo, Estadão revelou que oito em cada dez paulistanos se mostram contrários à volta às aulas presenciais em 2020.

O grupo encomendou o estudo sobre as eleições para a Prefeitura e outros temas do momento.

A pergunta realizada aos mil entrevistados foi a seguinte: A secretaria de Educação tem discutido sobre uma possível volta às aulas ainda neste ano. O (a) sr (a) é a favor ou contra?”

Somente 17% responderam ser a favor, e 81%, contrários. As mulheres representam 84% de votos contrários e 15% favoráveis.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

Vale dizer que as aulas na capital paulista seguem suspensas desde o mês de março por conta da pandemia de Covid-19.

No início de outubro, contudo, o prefeito Bruno Covas (PSDB), que concorre à reeleição, autorizou a retomada de atividades extracurriculares não só na rede pública como também na particular.

Leia também – Projeto de lei prevê ensino de Libras em todas as escolas brasileiras

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?