Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Educação: Entenda a diferença entre cursos técnicos e tecnológos

Apesar dos nomes parecidos, os cursos técnicos e tecnólogos apresentam muitas diferenças. A principal delas é que o primeiro é um curso de nível médio e o segundo é de nível superior.

Ou seja, se você fizer um curso técnico, terá certificado de formação de nível médio. Mas o curso tecnólogo, por sua vez, se caracteriza como uma graduação. Assim, se você fizer um curso tecnólogo, terá diploma de ensino superior.

Ambos os cursos são profissionalizantes, ambos têm como objetivo formar os alunos para atuar no mercado de trabalho. Contudo, a formação é diferenciada. Os cursos técnicos formam para cargos operacionais, enquanto os cursos superiores de tecnologia preparam o aluno também para atuar em cargos de gerência.

Além disso, a terceira principal diferença entre os cursos é a duração. Por conta do nível e das demandas de cada curso, a carga horária é distinta. Enquanto um curso técnico pode durar apenas alguns meses ou mais de 3 anos, os cursos tecnólogos duram entre 2 e 3 anos.

Assim, podemos destacar três tipos de distinção que diferenciam os cursos técnicos dos tecnólogos: nível, tipo de formação para o mercado e duração.

Além disso, é importante lembrar que há distinção na oferta de cursos. Atualmente, o MEC estrutura a organização dos cursos superiores de tecnologia em 13 eixos tecnológicos. Há oferta de cursos tecnólogos em  universidades públicas, contudo, esses são mais fáceis de encontrar em faculdades pagas.

A divisão em 13 eixos também é feita para os cursos técnicos. Há também um catálogo nacional de cursos técnicos criado pelo MEC. Clique aqui para conferir.

Eixos

Os treze eixos são: Ambiente e Saúde; Controle e Processos Industriais; Desenvolvimento Educacional e Social; Gestão e Negócios; Informação e Comunicação; Infraestrutura; Militar; Produção Alimentícia; Produção Industrial; Recursos Naturais;  Produção Cultural e Design; Segurança; Turismo, Hospitalidade e Lazer.

Gostou do texto? Então deixe aqui seu comentário!

Clique aqui para ver mais sobre a área de educação.
Veja também Dicas de estudo: Passo a passo para criar um plano de estudos.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.