Edital retificado! Confira o que muda no conteúdo programático do concurso CNJ

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Edital retificado! Confira o que muda no conteúdo programático do concurso CNJ

Não deixe de conferir

Salários excelentes

Com salários que ultrapassam R$ 13 mil fora benefícios, o concurso CNJ é uma excelente chance. Contudo, o edital foi retificado.

Veja o que muda.

Retificação do edital CNJ

O edital do Concurso CNJ (Conselho Nacional de Justiça) sofreu uma nova retificação, trazendo ajustes nos conteúdos relacionados à Legislação Especial para determinados cargos.

Desta vez, as modificações incidem sobre os conhecimentos específicos exigidos para os cargos de Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Análise de Sistemas, Analista Judiciário – Área: Judiciária e Técnico Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Programação de Sistemas.

As alterações detalham as referências legislativas específicas que serão abordadas na prova, incluindo resoluções do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), instruções normativas da Presidência do CNJ e resoluções conjuntas do CNJ e Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

É crucial que os concurseiros estejam atentos a essas atualizações, pois elas impactam diretamente no conteúdo a ser estudado para o exame.

Confira tudo aqui

Vagas e Remuneração do Concurso CNJ

Há disponibilidade de 60 vagas imediatas, além de formação de cadastro reserva, para os cargos de Técnico e Analista Judiciário, em diferentes áreas de especialização. De acordo com o edital, os salários iniciais para os aprovados no concurso CNJ são:

  • Técnico: R$ 8.529,65;
  • Analista: R$ 13.994,78.

Esses valores são compostos pelo vencimento básico (R$ 3.554,02 para Técnico / R$ 5.831,16 para Analista) e pela Gratificação por Atividade Judiciária (R$ 4.975,63 para Técnico / R$ 8.163,62 para Analista)

Com a inclusão do Auxílio Alimentação, os valores iniciais podem alcançar até R$ 15.387,88.

Jornada de Trabalho e benefícios

A jornada de trabalho do Concurso CNJ estipulada é de 40 horas semanais.

Além da remuneração base, os servidores do CNJ podem ser elegíveis para outras gratificações, incluindo o Adicional por Qualificação/Treinamento e o Adicional por Titulação.

  • O Adicional por Qualificação em Ações de Treinamento (AQ TREINAMENTO) é concedido ao servidor à taxa de 1% para cada conjunto de 120 horas de treinamento, limitado a 3%.
  • O Adicional por Qualificação em Cursos de Graduação ou Pós-Graduação (AQ TÍTULO) é pago ao servidor nos seguintes percentuais:
    • 5% (graduação);
    • 7,5% (especialização);
    • 10% (mestrado);
    • 12,5% (doutorado).

Sobre os benefícios

Confira lista de benefícios que serão pagos aos aprovados:

  • Auxílio Alimentação:  R$ 1.393,10;
  • Assistência Pré-Escolar: R$ 1.178, 82;
  • Auxílio de Assistência à Saúde;
  • Auxílio Funeral;
  • Auxílio Natalidade;
  • Auxílio Transporte; entre outros.
Edital retificado! Confira o que muda no conteúdo programático do concurso CNJ
Edital retificado! Confira o que muda no conteúdo programático do concurso CNJ. Imagem: Reprodução

Vagas do Concurso CNJ

Para os candidatos de nível superior, o Concurso do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) oferece um total de 60 vagas em diferentes áreas e cargos. Confira a distribuição das vagas abaixo:

  • Técnico Judiciário
    • 28 vagas na Área Administrativa;
    • 12 vagas em Programação de Sistemas.
  • Analista Judiciário
    • 1 vaga na Área Administrativa em Pedagogia;
    • 1 vaga em Análise de Sistemas;
    • 1 vaga em Arquitetura;
    • 1 vaga em Ciências Sociais;
    • 1 vaga em Engenharia Elétrica;
    • 15 vagas na Área Judiciária.

Além disso, destaca-se que 20% das vagas são reservadas para candidatos negros, 3% para candidatos indígenas e 5% para candidatos com deficiência. Esta é uma oportunidade única para quem busca uma carreira especializada no âmbito do Judiciário.

Provas

O Concurso do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) adotará um processo seletivo composto por provas objetiva, discursiva e avaliação de títulos. As duas primeiras etapas são eliminatórias e classificatórias.

As provas estão agendadas para o dia 30 de junho de 2024, na cidade de Brasília. Para os candidatos ao cargo de técnico, as provas serão realizadas no período da tarde, com duração de quatro horas e meia. Já para os cargos de analista, as provas serão pela manhã, com um total de cinco horas de duração.

Conteúdos Cobrados no Concurso CNJ

Os conteúdos exigidos incluem:

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática e Raciocínio Lógico;
  • Ética, Transparência e Responsabilidade Social no Serviço Público;
  • Noções de Administração Pública (exceto para o cargo de técnico na área Administrativa);
  • Noções de Direito Administrativo (exceto para o cargo de analista na área Judiciária);
  • Noções de Direito Constitucional (exceto para o cargo de analista na área Judiciária);
  • Normas Institucionais;
  • Conhecimentos Específicos.

Como se inscrever

Os interessados poderão se inscrever  no site da banca Cebraspe entre 3 de abril e 2 de maio, mediante pagamento de taxa de participação de R$ 76,00 ou R$ 126,00, a depender do cargo. Já as provas, devem ser aplicadas no dia 30 de junho

Veja mais aqui

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.