Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concursos TRTs 2018: Editais para níveis médio e superior em análise! Até R$12mil

Lista conta com oportunidades próximas

Os concurseiros que almejam uma vaga nos TRTs devem se preparar. Acontece que o órgão tem concursos que podem ser divulgado em breve em três Estados: Bahia, Espírito Santo e Goiás. Somente este ano, foram realizados concursos para o TRT em vários Estados: São Paulo (2ª e 15ª Região), Rio de Janeiro, Acre, Rondônia e Pernambuco.

Os Tribunais Regionais do Trabalho (TRT) fazem parte da Justiça do Trabalho no Brasil, em conjunto com as Varas do Trabalho e com o Tribunal Superior do Trabalho, que é a mais alta instância trabalhista. Usualmente, correspondem à segunda instância na tramitação de um processo trabalhista, apreciando recursos ordinários e agravos de petição, mas detêm competências originárias de julgamento, em casos de dissídios coletivos, ações rescisórias, mandados de segurança, entre outros.

Os Tribunais oferecem oportunidades para os cargos de técnico e analista, cujo requisito é de nível médio e superior, respectivamente. As carreiras são muito procuradas pelos estudantes de concursos de todo país. São inúmeros os benefícios oferecidos aos servidores, dentre eles a remuneração que pode chegar até R$ 12 mil reais.

Confira a lista completa:

Concurso TRT BA 5ª Região 2018

O Tribunal Regional do Trabalho da Bahia não vai abrir o novo edital de concurso público (Concurso TRT BA) em 2018. A informação foi confirmada através de nota oficial publicada no site oficial do órgão. De acordo com o texto (veja abaixo), o orçamento inviabilizou a abertura de novo certame este ano.

O Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT5-BA) não realizará concurso público para servidores em 2018. A Administração do Regional, com base no parecer conclusivo da Comissão de Concurso e no estudo de viabilidade orçamentária e financeira apresentado pela Diretoria-Geral e Secretaria de Orçamento e Finanças, concluiu que a realização do certame resultaria em aumento de despesas, comprometendo a manutenção da máquina administrativa no exercício de 2019. A decisão leva em conta a restrição orçamentária da Justiça do Trabalho e, ainda, a limitação de nomeações impostas pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT)”.

A expectativa é que o órgão retome o planejamento para o concurso no ano de 2019.

O órgão publicou no Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho (DEJT) do dia 18 de janeiro, a comissão responsável pela coordenação de ações relacionadas a seleção para provimento de cargos do tribunal (veja abaixo). A validade do último concurso, divulgado em 2013, será encerrada no dia 30 de abril de 2018. Com isso, novas contratações somente através de um novo certame.

Com a comissão formada, os servidores, que terão a missão de  acompanhar a execução do concurso até o seu final, adotando as providências devidas e submetendo-as a deliberação da Presidência do tribunal, quando necessário.

O projeto é composto por diversos detalhes importantes do edital, dentre eles, critérios para escolha da organizadora, período de inscrições, taxas, provas, conteúdos, entre outros. A expectativa é que o edital seja publicado com 432 vagas em cargos de técnicos e analistas judiciários, com exigência de nível médio e superior, respectivamente.

  • Concurso: Tribunal Regional do Trabalho
  • Banca organizadora: em definição
  • Escolaridade: médio e superior
  • Número de vagas: a definir
  • Remuneração: até R$14mil
  • Inscrições: a definir
  • Taxa de Inscrição: a definir
  • Situação: PREVISTO
  • Saiba mais sobre o concurso.

Concurso TRT ES 17ª Região 2018

É grande expectativa de realização do concurso público do Tribunal Regional do Trabalho do Espírito Santo, que compreende a 17ª Região (Concurso TRT ES). Após o órgão autorizar a abertura de concurso público para o quadro de servidores do órgão durante Sessão Administrativa Extraordinária realizada no início do ano, o TRT publicou no Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho a comissão que é encarregada pelo planejamento do certame.

A comissão (veja abaixo) é um importante passo para publicação do edital, já que é formado um grupo de servidores que trabalham no termo de referência do concurso, documento que antecede o edital. O grupo de trabalho é composto pelos servidores Flávia Bonn Nogueira Bastos Toscano, representante da Secretaria-Geral da Presidência, Bruno Álvares, representante da Diretoria-Geral, Leonardo Felipe Di Donato, representante da Divisão de Desenvolvimento de Pessoas, e Caroline Motta Aurich, representante da Assessoria Jurídica da Previdência.

  • Concurso: Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região
  • Banca organizadora: em definição
  • Escolaridade: médio e superior
  • Número de vagas: em definição
  • Remuneração: até R$12mil
  • Inscrições: a definir
  • Taxa de Inscrição: a definir
  • Situação: AUTORIZADO
  • Saiba mais sobre o concurso.

Concurso TRT GO 18ª Região 2018

O edital de concurso público do Tribunal Regional do Trabalho de Goiás, que corresponde a 18ª Região (Concurso TRT GO 2018), não será divulgado em 2018. Em sessão administrativa realizada na tarde da última terça-feira, 29 de maio, o Tribunal Pleno do órgão decidiu, por unanimidade, cancelar o certame e arquivar os processos administrativos abertos para providências relativas à organização do concurso.

Os desembargadores do órgão levaram em consideração o parecer assinado pelos membros da comissão do concurso público, documento no qual se avalia que a realização da seleção neste ano não seria razoável. O parecer aponta que o gasto com a organização e realização do certame chegaria a cerca de R$ 800 mil, dinheiro que geraria impactos no orçamento do Tribunal. A comissão também levou em conta, principalmente, a conjuntura econômica do país e o cenário de graves restrições orçamentárias que obrigarão a Justiça do Trabalho, em especial o TRT18, a adotar medidas rigorosas de contenção de gastos nos próximos anos.

A comissão do concurso também apontou a restrição ao aumento de despesas fundada em um arcabouço normativo que tem origem em emenda constitucional.

O concurso tinha grande expectativa de ser publicado, uma vez que o órgão autorizou, durante sessão administrativa ordinária realizada no dia 28 de fevereiro, a realização do certame. Além disso, o órgão apontava, através de dispensa de licitação, a Fundação Carlos Chagas (FCC) para organizar a seleção. O contrato entre as partes seria assinado após o término do projeto básico.

O edital de concurso TRT/GO é aguardado desde o ano passado, quando foi publicado a resolução administrativa 175/2016 autorizando a realização do certame. Além disso, foi divulgada no Diário Oficial do Estado a comissão que será responsável pelo concurso. O grupo de trabalho havia sido composto pelo Exmo. Desembargador Federal do Trabalho, Paulo Sérgio Pimenta (Presidente), pelo Exmo. Juiz Titular de Vara do Trabalho, Celso Moredo Garcia, e pelos servidores Marcos Balduíno de Oliveira (Secretário) e Sinara de Oliveira Morais Peixoto (Substituta).

De acordo com o documento de autorização, o próximo edital de concurso do TRT/GO seria publicado com 04 vagas para os cargos de Técnico Judiciário – Saúde Bucal, 01 para Técnico Judiciário – Enfermagem e 1 para função de Analista Judiciário – Estatística. Além disso, o certame previa oferecer oportunidades para cadastro reserva nos cargos de Analista Judiciário – Tecnologia da Informação (T.I) e Analista Judiciário – Área Administrativa. Além disso, dois novos cargos haviam sido incluídos no início de março. Trata-se das funções de analista judiciário na área de odontologia e analista judiciário na área de medicina do trabalho, ambas para cadastro reserva (convocação conforme necessidade).

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br

Comentários estão fechados.