Concurso TJ RS: mais uma novidade do edital para analista e técnico; confira

Veja mais esclarecimentos

O concurso TJ RS ( Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul) anuncia mais um passo em prol da liberação do edital para técnico e analista.

Dessa vez, o órgão formou a comissao organizadora. A divulgação aconteceu na última segunda, 19, por meio do Diário Oficial.

Até o momento, foram designados os seguintes nomes:

  • Presidente
    • Luís Antonio Behrensdorf Gomes da Silva;
  • Suplente
    • José Luiz Leal Vieira
  • Membros
    • Bruno Jacoby de Lamare
    • Simone Curth Farias
    • Mariana Andriguetto
    • Aline Finger de Macedo
    • Jones Tadeu Silva Almeida.

Vagas concurso TJ RS

Serão 40 vagas para médio e superior. As oportunidades serão divididas do seguinte modo:

  • Analista do Poder Judiciário – Área Administrativa: 5 vagas (nível superior)
  • Analista do Poder Judiciário – Área Judiciária: 5 vagas (nível superior)
  • Técnico Judiciário do Poder Judiciário- Área Administrativo-Judiciária: 30 vagas (nível médio)

Com isso, os próximos passos serão escolha da banca e divulgação da empresa. Vale lembrar que a comissão será responsável pelo andamento do certame, já a banca vai receber as inscrições e viabilizar as etapas da seleção.

O salário inicial de um Analista é de R$ 7.794,14. Ao final da carreira a remuneração poderá chegar ao valor de R$ 14.596,28. O salário inicial do aprovado no cargo de Técnico, por sua vez, será de R$ 4.091,91. Ao final da carreira, o valor pode chegar a R$ 7.660,02.

Último concurso TJ RS

O último concurso TJ RS aconteceu em 2022. Na ocasião, foram ofertadas oportunidades para os cargos de Oficial de Justiça Estadual (24 vagas) e Analista – especialidade de Serviço Social (4 vagas). O certame foi organizado pela banca Ibade.

Sobre as provas, foram cobradas as seguintes disciplinas:

  • Oficial de Justiça
    • Língua Portuguesa;
    • Conhecimentos Específicos/Tópicos de Legislação
    • Microinformática
  • Analista – Serviço Social
    • Língua Portuguesa
    • Conhecimentos específicos
    • Tópicos de Legislação
    • Microinformática.
Concurso TJ RS: mais uma novidade do edital para analista e técnico; confira
Concurso TJ RS: mais uma novidade do edital para analista e técnico. Imagem: Divulgação

Outros concursos TJ

concurso TJM SP ( Tribunal de Justiça do Município de São Paulo) anuncia que o edital saiu. Os salários poderão chegar a R$ 8 mil, com oportunidades para médio e superior.

Os interessados poderão se inscrever no período de 26 de junho 25 de julho de 2023, no site da banca organizadora, Fundação Vunesp. As taxas foram definidas de acordo com o nível de escolaridade, sendo:

  • Médio: R$ 67,90
  • Superior: R$ 98,80

Vagas concurso TJM SP

Ao todo são 11 vagas mais cadastro reserva distribuídas do seguinte modo:

CARGOS VAGAS SALÁRIO
Escrevente Técnico Judiciário 10 R$ 5.480,54
Analista de Sistemas Judiciário 01 R$ 7.355,21
Contador Judiciário CR R$ 8.035,86
Técnico em Comunicação e Processamento de Dados Judiciário CR R$ 6.523,88

 

Requisitos concurso TJM SP

Os requisitos dependem do cargo escolhido pelo candidato. De acordo com o edital, as regras são:

  • Escrevente Técnico Judiciário: Ensino Médio completo;
  • Técnico em Comunicação e Processamento de Dados Judiciário: Ensino Médio completo;
  • Analista de Sistemas Judiciário: Ensino Superior completo;
  • Contador Judiciário: Ensino Superior Completo em Ciências Contábeis; Registro no Conselho de Classe correspondente.

Acesse o edital aqui.

Como serão as provas do concurso TJM SP?

O concurso será dividido apenas nas provas objetivas. A fase vai acontecer no dia 17 de setembro. A duração vai variar a depender da escolaridade, sendo 03 horas para médio e 04 horas para superior. A avaliação vai acontecer à tarde.

Será da seguinte forma:

  • Escrevente Técnico Judiciário
    • Conhecimentos Gerais
      • Língua Portuguesa – 10 questões;
      • Raciocínio Lógico-Matemático – 05 questões;
      • Noções de informática – 05 questões;
    • Conhecimentos específicos – 30 questões
  • Técnico em Comunicação e Processamento de Dados Judiciário
    • Conhecimentos Gerais
      • Língua Portuguesa – 15 questões;
      • Raciocínio Lógico-Matemático – 05 questões;
    • Conhecimentos específicos – 30 questões
  • Analista de Sistemas Judiciários
    • Conhecimentos Gerais
      • Língua Portuguesa – 15 questões;
      • Raciocínio Lógico – 10 questões;
    • Conhecimentos específicos – 35 questões
  • Analista de Sistemas Judiciários
    • Conhecimentos Gerais
      • Língua Portuguesa – 15 questões;
      • Raciocínio Lógico – 10 questões;
    • Conhecimentos específicos – 35 questões

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.