Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.8/5 - (6 votes)

Concurso TCE AL 2022: SAIU O EDITAL com 32 vagas com salários de até R$7 mil

Tribunal de Contas do Estado de Alagoas faz saber aos interessados a abertura de um novo edital de concurso público para o preenchimento de 32 vagas.

O Tribunal de Contas do Estado de Alagoas faz saber aos interessados a abertura de um novo edital de concurso público (Concurso TCE-AL 2022) para o preenchimento de 32 vagas no cargo de agente de controle externo, contabilista e interno, com a distribuição em diversas áreas.

A Fundação Universitária de Desenvolvimento de Extensão e Pesquisa (FUNDEPES) tem a responsabilidade do concurso TCE AL 2022. As oportunidades são distribuídas entre diversas áreas:

  • Administração (04 vagas);
  • Ciências Contábeis (16);
  • Ciências da Computação e Informática (01);
  • Direito (06);
  • Engenharia Civil (02);
  • Engenharia Ambiental (01);
  • agente contabilista (01); e
  • agente de controle interno (01).

Para concorrer a uma das vagas de agente, o candidato precisa possuir o nível superior completo na respectiva área do cargo (veja abaixo). Os aprovados terão jornadas de 40 horas e salários iniciais de R$7 mil.

Edital TCE AL: requisitos

  • Agente de Controle Interno
    Requisitos: ensino superior completo em administração de empresas ou pública ou ensino superior completo em ciências contábeis ou ensino superior completo em direito
  • Agente Contabilista
    Requisitos: ensino superior completo em ciências contábeis
  • Agente de Controle Externo – Direito
    Requisitos: ensino superior completo em direito
  • Agente de Controle Externo – Administração
    Requisitos: ensino superior completo em administração de empresas ou pública
  • Agente de Controle Externo – Ciências da Computação e Informática
    Requisitos: ensino superior completo em ciências da computação e informática
  • Agente de Controle Externo – Engenharia Civil
    Requisitos: ensino superior completo em engenharia civil
  • Agente de Controle Externo – Ciências Contábeis
    Requisitos: ensino superior completo em ciências contábeis
  • Agente de Controle Externo – Engenharia Ambiental
    Requisitos: ensino superior completo em engenharia ambiental

Edital TCE AL: atribuições

Agente de Controle Interno: comprovar a legalidade da gestão orçamentária, financeira, patrimonial e fiscal, no âmbito do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas, bem como da aplicação das subvenções e dos recursos públicos, fiscalizar o cumprimento do disposto na Lei Complementar Federal n° 101/2000 e emitir relatório de análise de gestão.

Agente Contabilista: elaborar os serviços de contabilidade do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas, executando e assessorando trabalhos de ordem técnica nos campos contábil, financeiro, orçamentário e tributário.

Agente de Controle Externo: executar, realizar e supervisionar a fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional, patrimonial, atos de pessoal com fins de registro, obras e serviços de engenharia, incluída a análise na área ambiental, e de gestão dos Poderes Judiciário, Legislativo e Executivo estadual e municipal; e realizar e supervisionar as inspeções, auditorias, elaboração de instrução processual, estudos, pesquisas, relatórios, pareceres e notas técnicas sobre matéria relacionada ao controle externo.

Inscrição Concurso TCE AL 2022

A inscrição do concurso público TCE AL 2022 poderá ser realizada no período compreendido entre 27 de julho e 25 de agosto de 2022, por meio do site da  Fundação Universitária de Desenvolvimento de Extensão e Pesquisa (Fundepes) , organizadora do certame.

Para participar do concurso, o candidato deverá pagar uma taxa de R$175, devendo ser paga até o dia 29 de agosto.

Podem pedir isenção da taxa de inscrição do concurso TCE AL:

  • Candidato que declarar que não usufruiu do direito de isenção mais de 3 vezes no ano de 2022;
  • Candidato que comprove residência, há pelo menos 2 anos no Estado de Alagoas;
  • Carente;
  • Desempregado;
  • Doador de sangue e
  • Trabalhador que ganha até 1 salário mínimo por mês.

Etapas e Provas

O concurso público do TCE de Alagoas 2022 vai contar com prova objetiva, a ser aplicada no dia 23 de outubro de 2022, em Maceió (AL).

As provas objetivas do concurso TCE AL 2022 contarão com 100 questões, distribuídas da seguinte maneira:

Conhecimentos Gerais (60 questões)

  • Língua Portuguesa (20);
  • Administração Pública (dez);
  • Auditoria Governamental (dez);
  • Controle Externo (dez); e
  • Direito Administrativo (dez).

Conhecimentos Específicos (15)

  • Noções de Contabilidade Geral;
  • Noções de Contabilidade Pública;
  • Noções de Orçamento Público; e
  • Legislação Específica do Estado do Alagoas.

Conhecimentos Especializados (25)

Para ser aprovado, o candidato precisa obter, no mínimo, 50% dos pontos das questões de Conhecimento Geral, considerando o conjunto de todas as disciplinas, e 60% do total de pontos nas partes Específicas e Especializadas.

O resultado final do concurso está programado para ser divulgado no dia 30 de novembro de 2022. Os aprovados serão convocados ao longo do prazo de validade da seleção, que será de um ano, com possibilidade de prorrogação por igual período.

Último Concurso do TCE-AL

O último concurso, divulgado em 2008, sob organização da Fundação Carlos Chagas (FCC), contou com vagas para:

Analista de Sistemas – 01 vaga, com exigência de Curso de Graduação de nível superior em Análise de Sistemas ou Ciência da Computação ou Engenharia da Computação ou Processamento de Dados, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação;

Bibliotecário  – 01 vaga, com requisito de Curso de graduação de nível superior em Biblioteconomia, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e registro no CR; e

Programador  – 01 vaga com requisito de Curso de Graduação de nível superior em Análise de Sistemas ou Ciência da Computação ou Engenharia da Computação ou Processamento de Dados, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação.

Além disso, o edital reservou vagas para Procurador (07) e Auditor (03).  O cargo de Auditor teve remuneração no valor de R$ 7.128,24 (sete mil, cento e vinte e oito reais e vinte e quatro centavos), composto por vencimento base mais representação (Leis nºs 5.680/1995 e 840/2007).

Já o cargo de Procurador teve salário no valor de R$ 16.119,11 (dezesseis mil, cento e dezenove reais e onze centavos), na forma da Lei nº 6.818, de 12 de julho de 2007.

O Concurso Público para provimento de cargos de Auditor, Procurador, Analista de Sistemas, Bibliotecário e Programador teve provas de caráter eliminatório e classificatório e de títulos de caráter classificatório somente para os cargos de Auditor e Procurador.

Para o cargo de Auditor foram cobradas prova objetiva de conhecimentos específicos I, com 100 questões objetivas, de múltipla escolha, abrangendo os seguintes conteúdos: Direito Constitucional (10), Direito Administrativo (10), Direito Financeiro (10), Direito Penal (06), Direito Civil (10), Direito Tributário (10), Controle Externo (10), Auditoria (10), Contabilidade (10), Economia (07) e Administração (07).

Para Procurador, foram cobradas prova objetiva de conhecimentos específicos I, com 100 questões objetivas, de múltipla escolha, abrangendo os seguintes conteúdos: Direito Constitucional (12), Direito Administrativo (12), Direito Financeiro (10), Direito Penal (10), Direito Processual Penal (10), Direito Civil (12), Direito Processual Civil (12), Direito Tributário (10) e Controle Externo (12).

Para os cargos de Analista de Sistemas, Bibliotecário e Programador o Concurso constou das seguintes provas e pesos: Português 20 questões – peso 1; e Conhecimentos Específicos 40 questões – peso 3.

3.8/5 - (6 votes)

Comentários estão fechados.