Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso PGE CE: Edital de procurador tem nova comissão formada

A Procuradoria Geral do Estado do Ceará vai abrir um novo edital de concurso público (Concurso PGE CE) após cerca de 10 anos sem edital para efetivos. O órgão formou uma nova comissão organizadora para o acompanhamento e fiscalização do certame. A portaria foi publicada na sexta-feira, 10.

O grupo de trabalho formado é composto, ao todo, por três servidores:

  • João Régis Nogueira Matias, Procurador-Geral Executivo de Contencioso Geral e Administrativo – presidente;
  • Rafael Machado Moraes, Procurador-Geral Executivo Assistente; e
  • Janaína Soares Noleto Castelo Branco, representante da OAB, Seção Ceará.

No fim de agosto, o extrato da dispensa de licitação foi publicado confirmando o Cebraspe como banca do concurso da Procuradoria Geral do Ceará para Procurador. O contrato com a banca foi assinado.

Em maio, segundo informações do Governador do Estado, Camilo Santana, a seleção já foi autorizada.

“Também já autorizei o concurso, que já está em elaboração, para a Procuradoria Geral do Estado (…) Semace e PGE são concursos já autorizados por mim”, disse Camilo.

Em dezembro de 2020, foi divulgado no Diário Oficial, a informação de um crédito liberado para realização do novo certame para o órgão.

Em 2015, a PGE-CE tinha grande chance de divulgar o seu edital de concurso público. Porém, isso não chegou a acontecer. Os preparativos do concurso já estavam bem adiantados, com organizadora definida.

A expectativa é que um novo concurso seja divulgado para o cargo de Procurador, cargo com requisito de nível superior em Direito e registro de advogado na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O salário inicial deve girar em torno de R$30 mil.

Último concurso PGE CE

A PGE-CE não abre um novo concurso público há mais de 10 anos. O último edital foi publicado para preenchimento de 20 vagas. No entanto, o órgão convocou 70 aprovados para posse.

O último concurso contou com três fases, dispostas da seguinte maneira:

  1. Prova Objetiva (de caráter eliminatório e classificatório);
  2. Prova discursiva (de caráter eliminatório e classificatório);
  3. Avaliação de títulos (de caráter classificatório).

A prova objetiva contou com um total 100 pontos, contando com 100 questões objetivas, com duração de 4h30, abordando questões de:

  • Direito Constitucional
  • Direito Administrativo
  • Direito Financeiro
  • Direito Tributário
  • Direito Ambiental
  • Direito Civil
  • Direito Comercial
  • Direito Processual Civil
  • Direito do Trabalho
  • Direito Processual do Trabalho
  • Direito Processual Penal
  • Direito Penal
  • Direito Previdenciário

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.