Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Concurso MP RR 2022: Edital para Promotor tem banca definida

Ministério Público do Estado de Roraima vai abrir um novo edital de concurso público

O Ministério Público do Estado de Roraima vai abrir um novo edital de concurso público (Concurso MP RR 2022) para o cargo de Promotor de Justiça. A previsão é que o certame ofereça sete vagas imediatas.

O Instituto AOCP foi definido para organizar o certame. A dispensa de licitação que confirma o nome da banca foi publicada no Diário Eletrônico do órgão, edição do dia 25 de abril.

A banca vai organizar o concurso tanto para o concurso da área de apoio quanto para o de promotor. Agora, o próximo passo será a assinatura de contrato entre as partes.

O que se sabe até agora é que todas as etapas do concurso será em Boa Vista, capital de Roraima.

O cargo de Promotor de Justiça Substituto exige Bacharelado em Direito e, no mínimo, três anos de atividade jurídica, desempenhada após a conclusão do nível superior.

Por meio de suas redes sociais, a procuradora-geral de Justiça, Janaína Carneiro, revelou que um novo concurso MP RR para área de apoio também está previsto para ser lançado pelo MP-RR. Em resposta a um seguidor, ela disse que o edital do certame será publicado em breve.

Segundo informações do portal de transparência, o MP-RR conta com 86 cargos vagos na área de apoio, sendo 29 só para assistente administrativo.

A seguir, veja como foram os últimos concursos MP RR para promotor e cargos da área de apoio:

Último concurso MP RR

O último edital de concurso para Promotor de Justiça do MP-RR foi aberto em 2017. Na ocasião, o edital contou com quatro vagas imediatas, além de cadastro reserva. Os candidatos foram avaliados pelas seguintes etapas:

  1. Prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  2. Prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  3. Inscrição definitiva e sindicância, de caráter eliminatório;
  4. Avaliação psicológica, de caráter eliminatório;
  5. Entrevista
  6. Prova Oral, de caráter eliminatório;
  7. Prova de Tribuna, de caráter classificatório; e
  8. Avaliação de Títulos, de caráter classificatório.

Na prova objetiva do concurso, o concurso cobrou questões de Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Penal,
Direito Processual Penal, Direito Tributário, Direito da Criança e do Adolescente, Direito do Consumidor, Direito Eleitoral, Direito Ambiental, Direito Agrário, Direito Empresarial, Legislação Extravagante, Legislação do Ministério Público, Língua Portuguesa.

Na parte discursiva, o candidato teve que elaborar peça processual de natureza penal, e responder a três questões dissertativas.

Em 2008, o órgão também abriu edital para área de apoio, com vagas para cargos de níveis fundamental, médio, técnico e superior:

Nível fundamental incompleto: 

  • Auxiliar de limpeza e copa

Nível fundamental completo:

  • Auxiliar de manutenção
  • Motorista

Nível médio:

  • Assistente administrativo
  • Atendente (telefonista/recepcionista)
  • Oficial de diligência
  • Oficial de promotoria

Nível técnico:

  • Técnico de informática

Nível superior:

  • Analista de Banco de Dados
  • Analista de redes
  • Analista de sistemas
  • Biblioteconomista
  • Contador

Na época, o concurso organizadora pelo Cebraspe, contou com prova objetiva para todos os candidatos. Na parte objetiva, os candidatos tiveram que responder a questões sobre Conhecimentos Básicos, Complementares e Específicos, a depender do cargo.

Além disso, o concurso contou com provas discursivas, somente para as carreiras de assistente administrativo, oficial de diligência e oficial de promotoria. Já os classificados a motorista tiveram que passar por prova prática.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.