Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.2/5 - (9 votes)

Como se livrar da dívida com cartão de crédito: dicas simples para retomar sua saúde financeira

Há formas simples de lidar com os juros altos e com as dívidas decorrentes de cartões

Os brasileiros gostam cada vez mais do “dinheiro de plástico”. Várias pessoas têm, pelo menos, dois cartões na carteira. Com a pandemia e todas as suas consequências, principalmente no setor financeiro – a renda pessoal ou familiar foi reduzida, ou completamente perdida. Assim, ter uma dívida com cartão de crédito tornou-se bastante comum.

Com a crise econômica, não é de se admirar que milhões de brasileiros busquem usar seus cartões para comprar bens de primeira necessidade. Assim, não demora muito para que esses usuários enfrentem um desafio recorrente: a data de vencimento da fatura. Se não pagar em sua totalidade e em dia, infelizmente a dívida com cartão de crédito só aumenta. Então, como se livrar disso? O Notícias Concursos te diz como na matéria deste sábado (30).

Como se livrar da dívida com cartão de crédito: dicas simples para retomar sua saúde financeira
Como se livrar da dívida com cartão de crédito: dicas simples para retomar sua saúde financeira – Canva Pro

É possível se livrar da dívida com cartão de crédito?

O endividamento elevado ou mesmo a inadimplência (quando os consumidores não podem pagar) indicam que facilidades no crédito estão sendo abusadas pelos consumidores. Assim, os cartões de crédito são os campeões nacionais de dívida no Brasil.

Inutilizar o cartão ou colocá-lo na geladeira para dificultar o uso não resolverá o problema de quem está com atraso ou até mesmo inadimplência. Contudo, há alguns que é possível seguir para superar esses problemas.

  • Faça sua lição de casa – Saiba quanto dinheiro você ganha e quanto/o que/como você gasta. É aconselhável diagnosticar sua situação financeira e anotar todas as despesas por 30 dias, mesmo que não sejam pagas em dinheiro;
  • Ajuste os gastos – Reduza, substitua e elimine gastos. Nesta etapa, é essencial a participação de todos os membros da família, incluindo pais, sogros, irmãos e demais envolvidos no núcleo familiar;
  • Encontrar alternativas para a resolução de dívidas – Crédito mais barato ou empréstimos com juros baixos;
  • Planeje estratégias para lidar com a dívida – Em caso de acordo com credores, não tenha medo de fazer contrapropostas que reduzam o valor da dívida nas negociações.

Além de facilitar o pagamento (inclusive parcelado) (ainda perigoso quando somado a outras parcelas) e não precisar utilizar mais valores, o cartão de crédito permite melhor controle das despesas e melhor gestão do orçamento. Sem contar que também oferecem benefícios secundários, como recompensas ou programas de milhagem.

Com isso, é preciso conhecer realmente o que é um cartão e o que ele proporciona:

  • É apenas uma ferramenta ou método de pagamento;
  • Depende de organização e bom senso;
  • É necessário um controle rigoroso do orçamento.

Por isso, é melhor pensar bastante antes de usar esse produto financeiro nas compras para não acarretar uma dívida com cartão de crédito. Uma boa educação financeira pode ajudar nesse sentido.

4.2/5 - (9 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.