Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Como exercitar a paciência – Veja algumas sugestões

Veja algumas sugestões de como ser mais paciente.

Exercitar a paciência é imprescindível, especialmente quando se trabalha com prazos apertados e sob pressão. Afinal, a impaciência pode fazer com que você tome atitudes impensadas, além de provocar fortes crises de estresse e irritabilidade.

Pensando nisso, trouxemos algumas dicas que podem lhe ajudar a ser mais paciente no dia a dia. Acompanhe para saber mais.

Como exercitar a paciência?

Para exercitar a paciência é preciso, incrivelmente, ter paciência. Isto é, esse processo é gradativo, e a paciência deverá ser desenvolvida pouco a pouco, a cada dia. Apenas dessa forma é que você conseguirá atingir um bom resultado.

Por isso, não se sinta “fracassado” caso perceba que a impaciência ainda aparece nas primeiras tentativas de ser mais calmo. Isso é normal e, até mesmo, esperado. O importante é manter o foco em querer mudar essa sua maneira de enxergar os impasses e, a partir disso, usar essa visão para se sentir mais tranquilo no dia a dia.

A seguir daremos outras sugestões que se alinham com essa mudança gradativa. Veja:

1- Saiba identificar o que “rouba” a sua paciência

O primeiro passo é saber identificar o que tem feito você se sentir impaciente. A partir disso é possível montar estratégias e planos para concluir essas tarefas com mais coesão, impedindo que a questão emocional afete tanto o seu rendimento.

Quando você coloca, na ponta do lápis, o que tira a sua paciência, você tem uma visão muito mais profunda sobre a situação e pode montar um plano para lidar com ela.

2- Pratique exercícios de respiração

Quando a impaciência aparecer, comece a praticar exercícios de respiração. Eles podem ajudar você a manter o equilíbrio mental e até mesmo diminui os seus batimentos cardíacos. Além disso, esses exercícios levam mais oxigenação para o cérebro e lhe ajudam na hora de tomar uma decisão importante.

3- Desenvolva a empatia e a escuta ativa

Quando alguém estiver falando com você, foque nas palavras que a pessoa está dizendo. Isto é, não deixe que a impaciência e os pré-julgamentos atrapalhem a conversa.

Não deixe a sua mente devanear, mas sim, foque em cada coisa que o outro está lhe dizendo. Isso vai fazer com que você absorva mais as informações, trabalhe a sua empatia e tire o foco daquela pressa de que o outro “fale logo”.

4- Tenha uma margem de erro na sua rotina

Muitas vezes, exercitar a paciência é saber que as coisas podem dar errado, ao longo do dia. Ou seja, não tenha uma rotina de tarefas regradas, sem um “respiro” no meio do caminho. Afinal, se você não deixar um espaço para possíveis erros, quando eles aparecerem, você se sentirá descontrolado, facilmente.

5- Faça atividades que lhe gerem prazer e bem-estar

Quais atividades lhe geram prazer e bem-estar? Você tem as praticado no seu dia dia? Se não, está mais do que na hora de viabilizar esse tipo de atividade. Isso fará com que você se sinta menos ansioso e estressado, o que consequentemente diminuirá as crises de impaciência.

6- Desconecte-se do trabalho de vez em quando e saiba fazer pausas eficientes

Desconectar-se é fundamental. Quando você estiver em casa, coloque o seu celular no silencioso e tire um momento para ficar com a família, descansar e fazer atividades que lhe fazem feliz.

Já no trabalho, foque em fazer pausas inteligentes. Quando se sentir muito sobrecarregado, pare por alguns minutos, caminhe no seu escritório, respire fundo e foque em algo leve e sereno.

Assim, certamente você conseguirá exercitar a paciência e terá dias mais tranquilos e leves. Cuide da sua saúde mental.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.