Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

CNPq restabelece acesso total à plataforma Lattes

Após duas semanas de instabilidade na Plataforma Lattes, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) reestabeleceu o acesso ao site que reúne currículos e informações de grupos de pesquisas de pesquisadores e professores.

Devido a uma pane em um equipamento do CNPq, os sistemas do Lattes e da Plataforma Carlos Chagas caíram no dia 23 de julho, causando apreensão entre os pesquisadores. Desde então o conselho tem trabalhado para reestabelecer o acesso e garantir que as informações não se percam. 

De acordo com nota divulgada pelo CNPq no último sábado (7), a plataforma restabelecida permite que as pessoas atualizem e baixem os currículos. No entanto, o comunicado não informa quais foram as causas que levaram ao problema no sistema e se houve alguma perda de dados.

Na sexta-feira (6), o presidente do conselho, Evaldo Vilela, se pronunciou sobre o assunto por meio das redes sociais do CNPq. Conforme Vilela, o conselho estava trabalhando na migração dos dados de para um novo equipamento de armazenamento. “Nossa prioridade absoluta é o Lattes, que está preservado, não se perdeu dado nenhum”, afirmou.

Como mencionado, a Plataforma Carlos Chagas também saiu do ar após a pane no sistema. No entanto, o comunicado do CNPq informou apenas sobre o Lattes, não mencionando a outra plataforma.

Com informações da Agência Brasil.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário! 

Leia UEMS ofertará mais de 2,3 mil vagas no Vestibular e no SiSU de 2022.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.