Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.8/5 - (22 votes)

CadÚnico: Saiba como realizar o seu CADASTRO hoje (29/07) e garanta entrada no Auxílio Brasil, BPC, Tarifa de Energia

O Cadastro Único (CadÚnico) é o principal meio utilizado pelo Governo Federal para a inclusão de famílias de baixa renda em programas federais, como o Auxílio Brasil, Tarifa Social de Energia Elétrica e Benefício de Prestação Continuada (BPC), por exemplo.

O Cadastro Único (CadÚnico) é o principal meio utilizado pelo Governo Federal para a inclusão de famílias de baixa renda em programas federais, como o Auxílio Brasil, Tarifa Social de Energia Elétrica e Benefício de Prestação Continuada (BPC), por exemplo.

As informações ainda podem ser utilizadas para estados e municípios para concessão de benefícios locais. Porém, estar inscrito no CadÚnico não significa a entrada automática nesses programas. Isso acontece pois cada um deles tem suas regras específicas.

De toda forma, podem se inscrever no Cadastro Único:

  • Famílias com renda per capita mensal de até meio salário mínimo (R$ 606);
  • Famílias com renda bruta mensal de até três salários mínimos (R$ 3.636);
  • Famílias com renda superior as mencionadas, mas que precisam da inscrição para concessão de medida específica;
  • Famílias em situação de rua – cidadão só ou acompanhado.

Como se inscrever no Cadastro Único

O procedimento de inscrição no CadÚnico possui algumas etapas. Veja cada uma delas a seguir:

  1. Pré-cadastro pelo site ou aplicativo

O responsável familiar, sendo este maior de 16 anos, preferencialmente do sexo feminino, deve fazer um pré-cadastro por meio do aplicativo do Cadastro Único ou no site. Este passo permite agilizar o atendimento presencial no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

  1. Procure um CRAS ou posto do Cadastro Único

Feito o pré-cadastro, o usuário tem 120 dias para comparecer a um Posto de Atendimento do Cadastro Único para apresentar os documentos necessários para realizar a inscrição, sendo de cada um dos componentes do núcleo familiar.

  1. Documentação necessária

Na prática, o responsável familiar deve apresentar o seu CPF ou título de eleitor e conceder pelo menos um documento dos seguintes citados para cada pessoa da família:

  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • Cadastro de Pessoas Físicas – CPF;
  • Carteira de Identidade – RG;
  • Carteira de Trabalho;
  • Título de Eleitor;
  • Registro Administrativo de Nascimento Indígena (RANI) – somente se a pessoa for indígena.
  1. Entrevista de cadastramento

O responsável familiar ainda passa por uma entrevista para se inscrever no CadÚnico. Dentre as perguntas, está quem são os membros da família, como é a residência, se há algum deficiente entre os integrantes, o grau de escolaridade dos integrantes e o valor da remuneração mensal da família.

  1. Confirmação do cadastramento: atribuição do NIS

Quando a inscrição é efetuada no Sistema de Cadastro Único, uma checagem será realizada para verificar as pessoas da família que já possuem um NIS. Caso não tenham, o Número de Identificação Social (NIS) será emitido.

Como verificar se minha inscrição foi realizada?

É possível emitir o documento de comprovação da inscrição no Cadastro Único através dos seguintes canais:

  • Através do site;
  • Por meio aplicativo, disponível para download para Android e iOS;
  • De forma presencial, nos postos de atendimento do Cadastro Único no município.

As informações que vêm no comprovante são:

  • Código Familiar;
  • Data de cadastramento;
  • Data da última atualização cadastral;
  • Data limite para atualizar novamente;
  • Faixa de renda familiar;
  • Nome completo;
  • Data de nascimento; e
  • NIS de cada um dos integrantes da família e do Responsável Familiar (RF).
3.8/5 - (22 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

17 Comentários
  1. Abigail Diz

    Eu também pessoal fico indignada com essas situações porque quem precisa mesmo não consegue o auxílio foi cortado desde do ano passado e uma falta de respeito com nós…

  2. Gleide Pinheiro Diz

    Estou tentando me cadastrar desde 2008 e até agora nada, não trabalho não tenho registro em carteira…por motivos de saúde sou do lar

  3. Mauricio Diz

    Enquanto o povo não procurar votar em DEPUTADOS FEDERAIS e senadores que respeitam o povo vcs tem de aprender a votar e fiscalizar esses canalhas do CONGRESSO NACIONAL pois so assim que vcs VÃO ter seus DIREITOS humanos respeitados como cidadãos então gente vamos2 fiscalizar ESSES PARLAMENTARES do CONGRESSO NACIONAL

  4. Dan Diz

    Bolsanaro desse jeito vai perde lula vai chegar a não ser
    Que venha uma ótima proposta pro povo.
    Sofredor, muito recebe os direitos
    Sem nescessidade em quanto quem paga aluguel
    Luz água.
    Tá brabo viu Bolsanaro abra o olho se não já erra

  5. Hevelin Diz

    Eu tenho dois filhos e não tô recebendo o auxílio Brasil foi bloqueado falando que eu possui serviço formal sendo que eu estou desesperado

  6. Josué nere Diz

    Boa tarde fico indignado mesmo trabalho como agente de portaria salário mínimo e minha esposa faz tratamento psiquiátrico a anos foi diagnosticada com esquizofrenia e depressão profunda toma remédio faz tratamento pelo Caps e não consigo nenhum benefício nem bolsa família auxílio doença nada vale GAS já tive várias vezes no Cras LAURO de Freitas INSS toda pau que PAI e esse e conheço gente que fez cadastro e recebe mulher marido e de doer até quando quem tem a nessecessidsde não recebe e quem precisa nada só Deus

  7. Ana Diz

    Estou desempregada vim pra São Paulo a procura de emprego, tenho sequelas da covid, estou sem poder pagar um aluguel em uma casa q não é minha moro de favor…. preciso de ajuda…qndo tento ligar falam pra agendar, mas não tem vaga… não conheço nada aqui e né sinto perdida…

  8. José Silva Diz

    É o auxílio catadores de reciclagem quando é que sai até agora só ta pagando auxílio pra quem não precisa camioneiros é taxista não precisa de auxílio pois eles têm condições boas de trabalhos precisa ajudar é a classe pobre catadores é mendigos é moradores de ruamenos os drogados da cracolandia

  9. Maria Ester Barbosa alves Diz

    Sou viúva não tenho pensão do marido estou desempregada tenho 57 anos toda cheia de dores .preciso desse beneficio

  10. Luciana Diz

    Estou a 4meses esperando,moro com minha filha que estuda, não tenho trabalho fixo , faço bico ,pago aluguel,estou passando um aperto e nada sai pra mim, indignada,pq tem gente que eu conheço que não precisa tanto, fez depois de mim e já está recebendo!!!

  11. Michele Alves Diz

    Nesse caso, você para você garantir o seu direito, a única forma é você fazer pelo DPU, porque através da Defensoria pública é certeza que eles resolvem. Falo por experiência própria. Espero ter ajudado meu irmão.

  12. Ilane Diz

    Eu também ñ recebo sou mãe de 2 meninos é estou gravida de novo
    Mãe solteira e desempregada

  13. Juarez Diz

    Meu caso q moro de favor na casa de um amigo, tenho 44 anos, estou desempregado, mas segundo as regras só pode se inscrever quem tem casa ou família e no meu caso não pode, assim foi dito quando fui no CRAS da minha cidade

  14. Carlos Alberto leite da Silva Diz

    eu preciso fazer esse cadastro único pra mim da entrada no programa casa verde amarelo pois meu sonho é ter minha casa própria tmj presidente bonsonaro .

  15. Jurandir Diz

    Preciso desse dinheiro porque na verdade o que ganlho não dá

  16. Sebastiao gomide resende Diz

    Contribui com o INSS 42 anos vou fazer 65 anos sou viúvo , sou escrito no programa e não estou recebendo

  17. Nelson Amaro Cabral Ferreira Diz

    Parabéns pra quem está recebendo porque eu até hoje não me respondeu nem se tenho direito ou não já está com 4 mês isso é injusto eu que tenho uma filha que estuda

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.