Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.8/5 - (80 votes)

Cadúnico: veja quem precisa fazer averiguação cadastral

De acordo com o Governo Federal, algumas famílias inscritas no Cadúnico precisam realizar a chamada averiguação cadastral

Algumas famílias que fazem parte do Cadúnico precisam realizar um procedimento chamado averiguação cadastral. Trata-se de um processo que acontece para que o Governo Federal analise alguns dados e tire determinadas conclusões sobre a conta dos cidadãos. Mas afinal, quem são as pessoas que precisam disso?

Segundo informações do próprio Ministério da Cidadania, as famílias que necessitam de uma averiguação cadastral no Cadúnico são aquelas que apresentam divergências nas informações básicas. O poder executivo percebe que há uma diferença entre a renda que foi declarada no cadastro e a renda que está disposta em outras bases do Governo Federal.

Imagine, por exemplo, que um integrante da família começa a trabalhar com carteira assinada ou começa a ganhar um benefício previdenciário e a informação não é atualizada no Cadúnico. Quando isso acontece, o Governo passa a perceber que há uma inconsistência nos dados da determinada família.

O Ministério da Cidadania afirma que para este ano de 2022, as averiguações cadastrais acontecem com alguns beneficiários que fazem parte dos programas sociais do Governo Federal. São eles: Auxílio Brasil, Tarifa Social de Energia Elétrica e também o Benefício de Prestação Continuada (BPC) pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Entretanto, o próprio Ministério da Cidadania afirma que existem casos de pessoas que não estão cadastradas em nenhum desses programas, porém, também passarão pela averiguação. De acordo com a pasta, o processo acontecerá porque podem também ser encontradas  inconsistências em suas contas.

Como saber se estou na lista de averiguação

Segundo o Ministério da Cidadania, a pasta disponibiliza os nomes das famílias que precisam de averiguação cadastral. A divulgação acontece de maneira mensal no site do SigPBF e é realizada por município. Eles apontam os cadastros que já se regularizaram e os que ainda estão pendentes.

Em caso de dúvidas, o cidadão pode entrar em contato com o Ministério da Cidadania para tratar sobre o tema. O número para contato é o 121 e o atendimento acontece de segunda à sexta das 8h às 18h. A opção da averiguação é a 8.

Como regularizar a situação do Cadúnico

Famílias que estão dentro do Cadúnico e passam pelo processo de averiguação, podem simplesmente atualizar os dados do sistema. Assim, elas passam a ficar regularizadas mais uma vez. Isso porque eles não terão mais nenhuma inconsistência.

Entretanto, há também casos em que a regularização acontece de forma automática. Existem situações, por exemplo, em que o dado errado não é o que está no Cadúnico, mas sim o que se encontra em outras bases do Governo Federal.

Imagine, por exemplo, que há um emprego registrado para um membro da família, mas o indivíduo já não se encontra mais trabalhando lá. Neste caso, o próprio Governo identificará a situação e entenderá que não há nada de errado com o Cadúnico.

De toda forma, o cidadão precisa lembrar que é necessário atualizar a lista com informações verdadeiras ao menos uma vez a cada dois anos ou sempre que existir uma mudança estrutural dentro da própria família.

3.8/5 - (80 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

4 Comentários
  1. Fatima Neves Diz

    Atualizei meu cadunico e bloquearam o meu benefício a 2 meses q tento agendar no Cras consequi agora dia 11/05 no meu está fevereiro pra mim resgatar esse já tirei como estou bloqueada se recebi auxílio gás esse mês então estou apta nos critérios do governo.

  2. Janete Diz

    Meu marido desnpregado tenho 4 filhos e uma netinha q vai fazer 2 mês meu benefício foi bloqueado .isso é uma tristeza não sei o q fazer mais

  3. Lucineia Diz

    Esse governo deveria tomar vergonha na cara de pau de ficar exigindo tanto dos pobres prova de vida de morte de carcaça .Sendo ,tem varias pessoas no semafaro nas ruas mendingando passando fome i,sso ele nao vai atras para declarar imposto da situacao miseria fome. O povo tinha pedir para tirar a aposentadoria governos igual fez de varias pessoas na cadeiras rodas na cama enferno, que teve entrar na justiça para ter o beneficio , nao tem o que comer na miseria ….Tnha que fazer valer um projeto de leis igual do inss para presidente deputado senador ter os mesmos direitos igual cidadao comum.chega mordomia a eles e a populacao na fome miseria. Sem seus direitos.

  4. Luiz Otávio Bernardes martins Diz

    Preciso renovar a validade do meu cartão do cras o que fazer,preciso agendar como faço?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.