Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

Auxílio Emergencial: usuários completam dois meses sem nenhuma ajuda

Desde o fim do Auxílio Emergencial, boa parte dos usuários do Auxílio Emergencial estão seguindo sem nenhum ajuda do Governo

O Governo Federal está seguindo nesta semana com os pagamentos do seu Auxílio Brasil. De acordo com o Ministério da Cidadania, algo em torno de 14,5 milhões de pessoas estão recebendo o dinheiro desse benefício. Ainda segundo a pasta, já neste mês de dezembro os repasses estão turbinados. Ninguém está recebendo menos do que R$ 400.

Para quem não está dentro deste programa, no entanto, a realidade é outra. De acordo com as informações oficiais, desde que o Auxílio Emergencial chegou ao fim ainda no final de outubro, cerca de 25 milhões de pessoas ficarão órfãs do benefício. E elas não tiveram a oportunidade de entrar em qualquer outro projeto.

De acordo com o Ministério da Cidadania, o Auxílio Emergencial atendeu neste ano de 2021 algo em torno de 39 milhões de pessoas. Mas nem todas elas ficaram sem nada após o fim do programa. Acontece que uma parte estava no projeto na condição de usuárias do Bolsa Família. Essas seguem sendo atendidas agora.

O problema mesmo está com as pessoas que estavam no Auxílio Emergencial mas não fazem parte do Bolsa Família. São brasileiros que se inscreveram no programa através do site ou aplicativo oficial, ou que entraram porque estavam dentro do Cadúnico. Para esses cidadãos, a situação não é das melhores.

É que desde outubro, eles não conseguiram entrar neste novo Auxílio Brasil. De acordo com o próprio Ministério da Cidadania, neste momento, só quem está recebendo esse dinheiro são as pessoas que estavam no Bolsa Família. Ninguém mais além deles conseguiu entrar para receber o benefício em questão.

Situação para o próximo ano

Para o próximo ano, o Governo Federal vem garantindo que vai inserir mais pessoas no Auxílio Brasil. Isso significa dizer, portanto, que pela primeira vez o Planalto vai permitir a entrada de usuários que não eram do Bolsa Família.

Ainda de acordo com o Governo Federal, serão cerca de 2,4 milhões de novas entradas. A prioridade, no entanto, vai apenas para quem está na fila de espera do programa em questão. Pelo menos é isso o que se sabe até aqui.

Promessa para órfãos do Auxílio

Em entrevista, o Ministro da Cidadania, João Roma, disse que reconhece que o fim o Auxílio Emergencial deixou cerca de 25 milhões de pessoas sem nada. Ele disse, no entanto, que o Governo estaria preparando algo para esse público.

Acontece, no entanto, que pelo menos até aqui nada foi anunciado. Mesmo depois de dois meses do último pagamento, os usuários estão esperando por uma ajuda. Até agora nada chegou para esse público.

E o vale-gás?

Sem chances de entrar no Auxílio Brasil, esperava-se que essas pessoas fossem ter pelo menos uma chance no vale-gás nacional. Só que ao que tudo indica isso também não vai acontecer. Pelo menos é o que dizem os documentos oficiais.

É que por meio de um decreto, o Palácio do Planalto decidiu dar prioridade justamente para os usuários que estavam no Bolsa Família, os mesmos que já estão recebendo o Auxílio Brasil. E o fato é que isso não deve mudar muito no próximo ano.

5/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

3 Comentários
  1. Márcia Diz

    Gente esses governantes não têm o menor senso de empatia. Como eles conseguem sentar em suas mesas fartam enquanto sabem que milhões de brasileiros choram por não ter alimentação para dá aos filhos
    GENTE ANO QUE VEM TEM ELEIÇÕES VAMOS DÁ NOSDO GRITO DE GERRA E MOSTRAR O PODER QUE TEMOS DE DEIXAR OU TIRAR QUEM A GENTE QUER. ELES ESTÃO LÁ PARA CUIDAR DA POPULAÇÃO ENWUANTO ISSO CUIDA DO BEM ESTAR DELES E O POVO QUE MORRA A MÍNGUA.

  2. Neusa Diz

    Meu Deus socorro. Estamos a mercê do descaso muitos estão famintos sem alimentos sem emprego. E o Natal aí e sem auxílio emergencial não teremos um Natal. Tao triste isso 😥😥

  3. Regia Diz

    Q governo é esse, perto do natal ano novo e nois sem nenhuma ajuda

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.