Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio Emergencial: quais grupos ainda não receberam a liberação dos saques

De acordo com a Caixa Econômica Federal, alguns grupos ainda não receberam a liberação dos saques do Auxílio Emergencial

O Governo Federal paralisou nesta terça-feira (7) o calendário das liberações da quinta parcela do Auxílio Emergencial. O motivo é o feriado da independência do Brasil. Com isso, essas permissões para a retirada da quantia deverão voltar apenas na próxima quinta-feira (9), que será o dia dos informais que nasceram em maio.

De acordo com a própria Caixa Econômica, oito grupos ainda não receberam a liberação para os saques dessa quinta parcela. São portanto as pessoas que nasceram nos meses de maio, junho, julho, agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro. A expectativa é que todos eles recebam isso pelas próximas duas semanas.

Como dito, a quinta-feira (9), vai marcar a liberação dos saques para aqueles que nasceram no mês de maio. Logo depois, na sexta-feira (10), a permissão para a retirada vai para aqueles informais que nasceram no mês de junho. Esses são portanto os dois grupos que deverão receber o dinheiro em espécie ainda nesta semana.

Na próxima semana, as pessoas irão pegar essas parcelas em uma sequência de cinco dias. Nascidos em julho recebem na segunda-feira (13), os de agosto na terça (14) e os de setembro na quarta (15). O calendário segue na quinta (16) para os que nasceram em outubro, e na sexta (17) para os que fazem aniversário em novembro.

Com isso, fica faltando apenas a liberação para os usuários que nasceram no mês de dezembro. Eles só devem receber essa permissão para o saque da quinta parcela a partir da segunda-feira (20), ou seja, daqui a pouco menos de duas semanas ainda. Essas pessoas terão que esperar um pouco mais do que os outros.

O que dá para fazer até lá

Enquanto o dia da liberação dos saques da quinta parcela não chega, os indivíduos que fazem parte desses grupos podem mexer no dinheiro através de meios digitais. Estamos falando aqui portanto do Caixa Tem ou mesmo do Internet Banking.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, é possível realizar uma série de procedimentos por esses dois meios. Dá para quitar dívidas de boletos ou mesmo compras em lojas virtuais e estabelecimentos que aceitam esse pagamento no maquininha.

Quem mexeu em uma parte do dinheiro do Auxílio Emergencial ainda de forma digital, pode sacar o resto a partir da data da liberação do seu grupo. Ainda de acordo com as regras gerais do programa, não há nenhum impedimento quanto a isso.

Auxílio Emergencial

Vale lembrar que o Auxílio Emergencial do Governo Federal está entrando em sua reta final. De acordo com as regras oficiais do programa, os repasses deverão seguir até o próximo mês de outubro. A liberação dos saques deve entrar pelo mês de novembro.

Na prática, o que se sabe é que teremos mais dois pagamentos para os 37 milhões de brasileiros que estão recebendo o dinheiro do programa. O Governo vem negando a possibilidade de uma nova prorrogação.

A partir do próximo mês de novembro, o Palácio do Planalto deverá começar os repasses do novo Bolsa Família. O programa, que ainda não tem valores definidos pelo Governo, deverá atender menos gente do que esta atual versão do Auxílio Emergencial

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.