Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio Emergencial com PIX terá UMA restrição; Veja qual é!

Nesta última quinta-feira (22), o Banco Central do Brasil (BCB) divulgou que a partir do dia 30 de abril de 2021, os beneficiários do Auxílio Emergencial poderão movimentar o dinheiro de sua poupança social digital do Caixa Tem através do uso do PIX, sistema de pagamentos instantâneos criado ainda no passado.

O Auxílio Emergencial ainda não pode ser utilizado através do PIX, mas a partir da chegada do prazo estipulado pelo Banco Central essa possibilidade poderá ser finalmente utilizada pelos brasileiros. Apesar disso, a liberação para movimentar o benefício com essa ferramenta terá uma restrição, em específico.

O usuário que tiver direito ao Auxílio Emergencial e já estiver com o dinheiro depositado no aplicativo Caixa Tem, só poderá enviar o recurso para uma conta que não seja da mesma titularidade do beneficiário. Sendo assim, Você só vai poder fazer um PIX a partir do Caixa Tem se o envio for para uma conta que não seja sua.

A justificativa para esta regra, segundo informou o Banco Central, é visando a proteção dos usuários do Auxílio Emergencial. A instituição financeira diz que “Tal excepcionalidade se faz necessária visando a proteção dos usuários, uma vez que tais recursos não podem ser objeto de descontos ou de compensações que impliquem a redução do valor do auxílio”.

Importância do PIX no Auxílio Emergencial

O PIX é uma ferramenta que ganhou a adesão de grande parte dos brasileiros, embora os números estejam aumentando cada vez mais. O sistema de pagamentos instantâneos criado pelo Banco Central se inseriu aos poucos na sociedade. Com isso, passou a fazer parte de uma quantidade cada vez maior de segmentos que utilizam essa tecnologia.

Novas funções foram e ainda serão introduzidas ao PIX, mas no Auxílio Emergencial a ferramenta já começa a fazer parte a partir da próxima sexta-feira (30). A função de pagamento de boletos e as demais continuam funcionando dentro do aplicativo, mas essa novidade facilita o envio de dinheiro para pessoas físicas e para empresas.

Quanto maior o número de funções para utilizar o Auxílio Emergencial, mais abrangente se torna o atendimento das necessidades que os beneficiários apresentam na hora de pagar qualquer coisa com esse dinheiro.

O próprio nome diz que se trata de algo emergencial, desse modo, alguns pagamentos se tornam necessários de serem feitos o mais rápido possível. Com essa demanda, o uso do PIX pode ser muito bem-vindo, já que suas características principais são a simplicidade, rapidez e sem burocracias.

Quem pode usar essa nova função do benefício?

Todos os beneficiários do Auxílio Emergencial podem utilizar o PIX para pagar suas contas através do aplicativo Caixa Tem. O próprio aplicativo já tem uma opção escrita “PIX” que será por onde a função poderá ser usada.

Para tanto, basta ter o dinheiro disponível em conta para utilizar o pagamento que você deseja. Além disso, é preciso ter em mãos a chave PIX da pessoa ou empresa que você vai enviar o dinheiro. As chaves PIX podem ser:

  • Números de celular;
  • CPF;
  • CNPJ;
  • E-mail;
  • Sequência aleatória de caracteres.

O valor do Auxílio Emergencial é de R$ 250 para as famílias, mas também pode ser de R$ 175 para pessoas que moram sozinhas e R$ 375 para mulher que são chefes de família. Além disso, um total de R$ 44 bilhões serão distribuídos aos beneficiários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.