Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial no Whatsapp: veja como vai funcionar

De acordo com informações oficiais, a Caixa e o WhatsApp fecharam parceria para divulgação de informações sobre Auxílio Emergencial

Na semana passada a Caixa Econômica Federal anunciou oficialmente uma parceria com o aplicativo de mensagens rápidas mais popular do Brasil. Trata-se do WhatsApp. A ideia do banco é usar essa união para divulgar informações sobre o Auxílio Emergencial para os beneficiários. No entanto, muita gente ainda não sabe como isso vai acontecer.

De acordo com as informações oficiais, a ideia é simplesmente enviar dados do calendário do pagamento do programa. Então a Caixa poderá enviar para o celular do beneficiário a data em que ele vai receber a liberação do crédito do Auxílio. Além disso, o banco também poderá enviar os dias das liberações dos saques.

Segundo as informações da Caixa, eles não irão pedir qualquer tipo de informação aos usuários. Então se o cidadão receber uma mensagem no WhatsApp de algum perfil se passando pelo banco e pedindo dados pessoais, é bom saber que isso pode se tratar de um golpe para roubar dados das pessoas.

A Caixa informa também que não vai pedir nenhum tipo de senha. Em resumo, eles não irão pedir nenhum dado de nenhuma natureza para os seus usuários. A ideia é unicamente usar o WhatsApp para passar as informações para o beneficiário. Caso ele não queira receber, ele vai poder ter o direito de bloquear as notificações.

Por outro lado, quem quiser receber essas informações precisa verificar se o número do celular do WhatsApp está ativo no cadastro do Caixa Tem. Para saber isso, basta acessar o aplicativo e ir nas configurações dos dados pessoais. Obviamente o número do telefone precisa ser o mesmo que o cidadão usa no aplicativo de mensagens.

Envios

De acordo com a Caixa Econômica, ainda não há uma data específica para o início desses envios. O que se sabe mesmo até aqui é que o banco vai enviar cerca de 500 milhões de mensagens nos próximos meses.

Tudo isso é de graça. Então quem usa a internet por meio de dados móveis, por exemplo, não vai precisar se preocupar com a cobrança dos recebimentos dessas informações. Independente da operadora, não vai existir nenhum tipo de cobrança.

O banco disse ainda que está buscando cada vez mais maneiras de levar informação correta para as pessoas mais humildes. De acordo com diretores da Caixa, muita gente acaba se confundindo com essas datas.

Informações da Caixa

Uma das principais preocupações do banco neste momento é em relação a questão das mudanças no calendário dos pagamentos do Auxílio. Acontece que essas datas passaram por várias modificações desde o início dos repasses do programa ainda no último mês de abril.

A mais recente de todas essas mudanças aconteceu na semana passada. O banco decidiu antecipar o pagamento da quarta parcela do benefício. Imagina-se que muita gente que recebe o programa nem soube dessa alteração.

Para evitar que essa desinformação vire um problema, eles estão apostando muito nessa ação do WhatsApp. Vale saber agora quais os resultados que isso vai dar em um futuro próximo. O Auxílio Emergencial deve fazer pagamentos até o próximo mês de outubro.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
1 comentário
  1. Luciano Diz

    Eu poderia até dar 5 estrelas mas ultimamente de duas semanas para cá a Caixa tem tá de sacanagem comigo pois toda vez q vou entrar o app caixa tem ele trava e não dá andamento e tenho que ir no banco e eles abrem mas só por alguns minutos e depois volta tudo a estaca zero tá difícil viu o caixa tem de duas semanas para cá.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.