Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial: Governo vai aumentar beneficiários ou prorrogar programa

O Governo Federal está se preparando neste momento para começar os pagamentos da nova parcela do Auxílio Emergencial. No entanto, há uma outra preocupação dentro do Palácio do Planalto. O que fazer com o dinheiro que está sobrando no programa?

De acordo com as informações oficiais, o Governo tem cerca de R$ 44 bilhões à disposição para fazer os pagamentos do programa este ano. Já se sabe que o Ministro da Economia, Paulo Guedes não quer passar desse montante. Se passar, o Presidente Jair Bolsonaro estaria cometendo um crime de responsabilidade.

A grande questão é que na projeção atual o Governo gastaria cerca de R$ 36 bilhões. Dessa forma, é fato que seguindo o ritmo de agora, deve sobrar dinheiro para novos pagamentos. Agora só falta decidir o que fazer com esse dinheiro que está sobrando.

Parte do Governo quer que o Planalto aumente a quantidade de pessoas que está recebendo o benefício. De acordo com os dados oficiais, dá para inserir mais seis milhões de brasileiros nesta nova fase do benefício. Eles viriam do grupo de cidadãos que deram entrada no programa no ano passado, mas tiveram uma negativa.

Outra parte do Governo quer usar esse dinheiro restante para aumentar as parcelas do benefício. Vários parlamentares no Congresso querem que o Ministério da Economia prorrogue o Auxílio até o próximo mês de novembro. Membros do Ministério dizem que é possível tentar fazer isso.

Beneficiários esperam

Nas ruas, as opiniões sobre essa questão variam de pessoa para pessoa. É que boa parte dos brasileiros preferem uma prorrogação do benefício até o próximo mês de novembro. Outra parte, no entanto, prefere que o Governo coloque mais brasileiros no Auxílio atual.

Quem está recebendo o Auxílio agora certamente prefere que o Governo opte pela prorrogação do benefício até novembro. É que assim essas pessoas acabariam ganhando mais alguns meses do dinheiro até, pelo menos, o final deste ano.

As pessoas que não estão recebendo o Auxílio deste ano certamente estão torcendo para que o Governo opte pela inserção de novos beneficiários. É que dessa forma, esses cidadãos acabariam tendo mais uma chance de entrar para o programa em questão.

Auxílio Emergencial

O fato mesmo é que o Governo ainda não tomou uma decisão. Há quem diga, por exemplo, que seria possível fazer as duas coisas. Assim o Planalto pagaria mais parcelas para um número maior de pessoas. Essa proposta, no entanto, não deve agradar o Ministro da Economia, Paulo Guedes.

De acordo com Guedes, qualquer que seja a decisão, ela vai precisar respeitar o teto de R$ 44 bilhões. Esse é portanto o limite de gastos que a PEC Emergencial estabeleceu. Alguns partidos de oposição até tentaram derrubar esse texto, mas até agora não conseguiram.

Dentro do Governo, a única possibilidade que os membros do Planalto não falam é um aumento no valor das parcelas. De acordo com o Ministério da Cidadania, o novo programa paga valores que variam entre R$ 150 e R$ 375. Esses repasses não devem aumentar.

16 Comentários
  1. Gleicilene Diz

    Eu sou de família tenho marido mais mesmo assim o dinheiro n da ele ganha fazendo os pico e eu sou desempregada tenho dois filhos e esse 250 n dá pra ND tô sem dinheiro pra pagar aluguel presciso tanto que o senhor aumenta por favor se o senhor aumenta pra mãe solteira eu tbm vou querer se 375 n tá dando e pra nois que ganho 250 só que n dá pra ND ajuda por favor e obrigado

  2. Maria José Gonçalves Diz

    Sr presidente eu sei que administrar um país ñ é fácil com tantas dívidas. Mais ñ é culpa do povo. E sim dos próprio governante. Agora acho um absurdo os pobre pagar pelo erros do governo. A onde que um pobre ser empregado vai conseguir pelo menos se sustentar com esse valor do auxilio de 150 20 e 350.? Agora vcs sim comem do bem e do melhor

  3. Maria de Fatima Soares Silvino Diz

    Querido presidente deveria aumentar logo esse valor o senhor sabe que 375 não dá pra fazer nada se tudo aumentou pra quem é mãe solteira sou mãe de três crianças não dá nem pra fazer compra direito se tem que comprar gás ei resto como eu faço se tenho que comprar fralda e comida se o senhor rasocina bem vai ver que não dá pra quem é mãe solteira

  4. Jacy Andrade dos Santos Diz

    Boa tarde não fui aprovada no auxílio emergencial e estou desempregada desde 2019.nao tenho trabalho fixo.

  5. Lupiz Diz

    Almenta esse auxílio não dá pra fazer nada com 375 ou da trabalho pra quem precisa querido presidente reclama das pessoas não trabalharem mais nem uma forma de trabalho vc fornece para população

  6. Angela Diz

    Bom dia porque não aumenta o auxílio quando era 600 dava pra fazer alguma coisa mas agora com esse 375 não dá pra fazer nada tive que emprestar dinheiro porque meus trez filhos estão com covit19..e as coisas no MerCado estão tudo caro vc vai com 100 não traz nada pelo amor de Deus vamos dar um auxílio melhor pro seu povo

    1. Gleicilene Diz

      Eu sou de família tenho marido mais mesmo assim o dinheiro n da ele ganha fazendo os pico e eu sou desempregada tenho dois filhos e esse 250 n dá pra ND tô sem dinheiro pra pagar aluguel presciso tanto que o senhor aumenta por favor se o senhor aumenta pra mãe solteira eu tbm vou querer se 375 n tá dando e pra nois que ganho 250 só que n dá pra ND ajuda por favor e obrigado

    2. Gleicilene Diz

      Vc tá certa Angela tem que aumentar emgual era antes tá tudo melhor
      Dava pra fazer compra pagar gás aluguel etc

  7. MARIA BETANIA BATISTA DE ALBUQUERQUE Diz

    Meu auxílio emergencial foi negado moro sozinha estou desempregada

  8. Angela maria Diz

    Boa tarde vamos aumentar esse auxílio porque tem gente passando necessidade por favor..de crédito a nois estou com meus trez filhos com covit19…tive que pega dinheiro emprestado pra compra remédio e frutas e legumes porque esse dinheiro não dá pra nada pelo amor de Deus.

  9. Angela Diz

    Boa tarde vamos aumentar esse auxílio porque tem gente passando necessidade por favor..de crédito a nois estou com meus trez filhos com covit19…tive que pega dinheiro emprestado pra compra remédio e frutas e legumes porque esse dinheiro não dá pra nada pelo amor de Deus.

  10. Rogério dos santos carvalho Diz

    Concordo com maria neusa 600 seria ideal porque 150 não pago nem minha conta de água

  11. Cleide Pereira Diz

    Bom dia! E R$150,00.
    Não dar pra pra nada.

  12. Maria Diz

    Meu marido está desempregado,não consegue receber o auxílio porque trabalhou em 2018 com o piso salarial anual passou de 28,000.00Isso em 2018.com a crise em que estamos vivendo até parece que se guarda dinheiro na poupança.

    1. Ana Carolina Matos de oliveira Diz

      Eu tbm estou desempregada e não fui beneficiada porque em 2018 fui colocada no imposto de renda que passou do teto, agora em 2018 pra hoje , eles tinha que ver isto

  13. Maria Neusa Pereira pinto. Diz

    O auxílio de 600 reais seria mais viável. Pois no meu caso 150 não dá pra nada.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.