Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.7/5 - (4 votes)

Auxílio Brasil: quando o Governo Federal abrirá novas vagas?

Usuários que não conseguiram entrar nesta leva de janeiro do Auxílio Brasil querem saber quando terão uma nova chance

O Governo Federal começou oficialmente os pagamentos do Auxílio Brasil nesta semana. Já nesta quarta-feira (19), por exemplo, o benefício em questão está sendo pago para as pessoas que possuem o Número de Inscrição Social (NIS) terminando em 2. O dinheiro está na conta desses indivíduos desde as primeiras horas desta manhã.

De acordo com o Ministério da Cidadania, algo em torno de 17,5 milhões de pessoas devem receber o Auxílio Brasil neste primeiro mês do ano. Deste montante, cerca de 3 milhões de usuários entraram de uma só vez em janeiro. São brasileiros que conseguiram entrar na folha de pagamento do programa.

Embora o Ministério da Cidadania garanta que a fila de espera para a entrada no Auxílio Brasil tenha acabado, o fato é que isso não é bem verdade. Segundo relatos, algumas pessoas que possuem o direito de entrar no projeto não conseguiram fazer parte da folha de pagamento de janeiro.

Na maioria dos casos isso aconteceu em decorrência de atrasos na entrada no Cadúnico. Em sua grande maioria, nós estamos falando de brasileiros que entraram nesta lista apenas no final do ano passado. Por causa da demora na atualização, eles acabaram não entrando no programa agora.

Dessa forma, essas pessoas que ainda não entraram, agora querem saber quando é que elas terão uma nova oportunidade. De acordo com o Ministério da Cidadania, a ideia do Governo Federal é inserir novos usuários a cada mês. Então, sempre antes de cada pagamento, novos indivíduos poderão fazer parte da folha.

Nova oportunidade em fevereiro

Por essa lógica, dá para dizer que a próxima inserção de novos usuários deve acontecer no próximo mês de fevereiro. Na ocasião, o Governo Federal deverá analisar mais contas e decidir por uma nova entrada.

Todavia, vale lembrar que o Ministério da Cidadania muito provavelmente não vai inserir novamente essa quantidade de 3 milhões de pessoas de uma só vez. A eventualidade só aconteceu em janeiro e qualquer entrada neste patamar não deve se repetir este ano.

Quem está dentro, poderá sair?

Sim. Do mesmo jeito que o Governo Federal deve inserir mais pessoas no programa social ao longo do ano, outros usuários provavelmente irão sair. Isso acontece porque estamos falando de um projeto volátil.

De modo que esse número de 17,5 milhões de usuários não deverá ser muito alterado no decorrer do ano de 2022. A quantidade de entrada e de saída das pessoas deverá ser basicamente a mesma todos os meses. É o que se sabe.

Auxílio Brasil

De acordo com informações de bastidores, aliados do presidente Jair Bolsonaro estão tentando convencê-lo a aumentar o número de usuários do Auxílio Brasil. Eles estão pensando em inserir mais 3 milhões de pessoas.

A ideia, ainda de acordo com essas informações de bastidores, é fazer o presidente voltar a ter uma boa avaliação popular em pleno ano eleitoral. Mas o fato é que nada disso é oficial ainda. Não há nenhuma confirmação sobre essa nova entrada.

3.7/5 - (4 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

4 Comentários
  1. Michel Diz

    Só fazer arminha que passa.

  2. henoo Diz

    nao recebo mais cortaram o meu e minha irma q recebe…senco q pago INSS… todo mes.
    So gasto…p n receber n dá p entender afinal estou desempregado

  3. Rita Diz

    Sou do cad único desde 2019 e não fui contemplada com novo auxílio brasil e disse que acabou com as filas mentira

  4. Carlos Alberto De Araújo Diz

    Tudo errado, todos os que fizeram parte do auxílio emergêncial, deveriam estar automaticamente incluídos no auxílio Brasil, a situação de empregos está complicada, os casos de transmissão de covid aumentando e as pessoas são obrigadas a fazer a inscrição novamente a fim de limitar a quantidade de beneficiados. O povo sempre paga o pato, enquanto isso essa raça de políticos continuam tendo direito a todas as mordomias e, nesse caso não falta dinheiro, porque será?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.