Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio Brasil: Inscrições para o novo programa já estão abertas?

Para ser beneficiada pelo Auxílio Brasil, a família deve cumprir alguns requisitos.

O Auxílio Brasil será concedido a partir de novembro, conforme a previsão do Governo Federal. Na última semana, o Ministério da Cidadania informou que os beneficiários do novo programa deverão, obrigatoriamente, estar registrados no Cadastro Único (CadÚnico). Será através desse sistema que o Governo fará a seleção.

Funcionamento das inscrições

Para ser beneficiada pelo Auxílio Brasil, a família deve cumprir alguns requisitos. Até o momento, a equipe técnica do Governo ainda não liberou o procedimento para ingressar no novo programa bem como suas condições, no entanto, já se sabe que é necessário ter inscrição no CadÚnico.

Diante disso, se pode considerar os atuais requisitos do Bolsa Família, em que contempla:

  • Famílias com renda mensal por pessoa de até RS$ 89: considerada em situação de extrema pobreza;
  • Famílias com renda mensal por pessoa entre RS$ 89,01 e RS$ 178: considerada em situação de pobreza.

Como se inscrever no CadÚnico?

Os interessados em participar do novo Bolsa Família podem realizar a inscrição através do aplicativo “Meu CadÚnico” ou presencialmente em um dos centros de assistência social da cidade onde reside. Na ocasião, o responsável familiar deve apresentar os seguintes documentos:

  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • CPF;
  • RG;
  • Carteira de Trabalho;
  • Título de Eleitor;
  • Registro Administrativo de Nascimento Indígena (Rani).

Vale ressaltar que para realizar o procedimento de registro, o nomeado responsável familiar deve possuir 18 anos ou mais e ser, preferencialmente, mulher. Contudo, a inscrição no CadÚnico não garante a inclusão no Auxílio Brasil, tendo em visto que o Governo ainda fará uma nova seleção.

Quais são os benefícios oferecidos pelo Auxílio Brasil?

No total, nove benefícios serão disponibilizados, sendo três da condição básica e seis complementares. Confira a seguir:

  1. Benefício Primeira Infância: destinado às famílias com crianças entre 0 a 36 meses incompletos;
  2. Benefício Composição Familiar: pago às famílias com jovens até 21 anos;
  3. Benefício de Superação da Extrema Pobreza: disponibilizado como complemento financeiro para as famílias que recebem benefícios, mas que ainda assim não ultrapassam a renda familiar per capita da faixa de pobreza extrema;
  4. Bolsa de Iniciação Científica Júnior: concedida em 12 parcelas mensais aos estudantes beneficiários do Auxílio Brasil com bom desempenho em competições acadêmicas e científicas;
  5. Auxílio Criança Cidadã: pago aos chefes de família que consigam emprego e não encontram vagas em creches para deixar os filhos de 0 a 48 meses;
  6. Auxílio Inclusão Produtiva Rural: oferecido por até 36 meses aos agricultores familiares inscritos no Cadastro Único;
  7. Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: direcionado a beneficiários do Auxílio Brasil que comprovem contratação em emprego formal;
  8. Benefício Compensatório de Transição: distribuído aos atuais beneficiários do Bolsa Família que forem prejudicados com a migração entre os programas até que regularize o valor do salário mensal;
  9. Auxílio Esporte Escolar: destinado a estudantes entre 12 e 17 anos que sejam membros de famílias beneficiárias e que se destacarem nos Jogos Escolares Brasileiros.

Veja também: Auxílio Emergencial: novo grupo do Bolsa Família recebe HOJE (23)

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
11 Comentários
  1. Jesus Diz

    Tudo para um Brasil melhor

  2. Catia Suzana Pascoal Diz

    Sou aposentada com um salário mínimo chefe de família tenho mais 4 depende d mim ,tenho vários empréstimos para suprir as necessidades da minha família e não tenho direito ao benefício bolsa família é revoltante o q o governo faz com a nossa classe sou responsável por uma criança de 11anos especial dois bebês 1e 2 anos não tenho nenhuma ajuda pra comprar leite e fraldas vivo d doações é muita covardia o q esse governo faz s eu tenho vários empréstimo e posso provar q minha renda fixa e d 460 reais pq não tenho direito 460 ÷ 5 =da quanto sr.governador

  3. Marinete francisco da conceicao Diz

    Meu none marinete tenho vite nove anos tenho muito vontade de ter uma casa tenho 5 filhos sou morro junto

  4. Maria Do Carmo Bueno Dos Santos Diz

    Boa tarde!me chamo Maria Do Carmo sou de Mogi Mirim SP. Eu gostaria de saber se um banco pode emprestar 226,00 e descontar em 15 vezes de 587,00 isso equivale a quase 9.000 reais eles podem fazer isso?

  5. Raimundo nonato de sena Ribeiro Diz

    Eu sou pai de um adolescente de 14 anos e crio ele só. Ele é especial se eu recebesse ia mim ajudar muito pois não posso trabalhar tenho que cuidar dele 24 horas

  6. SARA MARTINS DA Silva Diz

    Quero me cadastrar

  7. Ester goncalves dias santos Diz

    Eu gostaria muito de poder receber pois não posso trabalha ee ajudaria muito

  8. Alana de Jesus Borges Diz

    Olá

  9. Taciana Diz

    Eu não sei porque os que recebi 41 reais estão de fora aff

  10. Elaine almeida farias Diz

    Eu sou pobre nao tenho renda mensal

  11. Camila Michelle da cruz Diz

    Esse novo bolsa família vai mim ajuda muito

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.