AUXÍLIO BRASIL de R$ 600: Saiba como consultar se você está na fila de espera

Milhões de famílias saíram da fila de espera e passaram a receber os pagamentos do Auxílio Brasil. No entanto, de acordo com a Confederação Nacional dos Municípios, atualmente um total de 2,7 milhões de famílias aguardam na fila para serem beneficiadas.

Muitas famílias brasileiras em situação de vulnerabilidade contam com o pagamento do Auxílio Brasil para se sustentarem. Recentemente, o valor do benefício foi aumentado para R$ 600 e o quadro de beneficiários foi ampliado, onde incluiu mais de 4 milhões de beneficiários na folha de pagamento do programa.

Como já mencionado, milhões de famílias saíram da fila de espera e passaram a receber os pagamentos do Auxílio Brasil. No entanto, de acordo com a Confederação Nacional dos Municípios, atualmente um total de 2,7 milhões de famílias aguardam na fila para serem beneficiadas.

Para ser beneficiada com o Auxílio Brasil, a família deve cumprir o requisito mais importante, que é ser inscrita no CadÙnico (Cadastro Único). Aquelas que não possuem cadastro, devem escolher um representante da família, de preferência mulher, e comparecer ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) para realizar a sua inscrição.

É por meio do CadÚnico, o Governo Federal consegue ter acesso aos dados dos beneficiários, para avaliar se, de fato, têm direito ao benefício.

Como saber se estou na fila de espera?

Para saber se seu nome está na fila de espera do Auxílio Brasil é bem simples. Por meio do aplicativo do programa social é possível obter todas as informações do seu benefício, desde a aprovação até a data do pagamento. Confira abaixo como consultar:

  • Acesse o aplicativo do Auxílio Brasil;
  • Após realizar o seu login, você será encaminhado para a tela inicial, onde pode ter acesso às informações do seu benefício;
  • A consulta também pode ser feita pelo aplicativo de celular Meu Cadastro Único ou por telefone, ligando para 0800 707 2003.

Como acelerar a aprovação no Auxílio Brasil

As famílias que já recebiam o antigo Bolsa Família foram incluídas automaticamente no Auxílio Brasil. No entanto, aqueles que também têm direito ao benefício e se encontram na fila de espera devem estar atentos, pois podem ser incluídos a qualquer momento.

Após a inscrição no CadÚnico, o prazo para que a família saiba se foi teve aprovação no Auxílio Brasil é de 45 dias. No entanto, algumas atitudes podem acelerar o prazo, como:

  • Manter a inscrição no CadÚnico atualizada;
  • Manter a frequência escolar das crianças e adolescentes;
  • Estar com os dados de saúde atualizados no Sistema Único de Saúde (SUS);
  • Efetuar consultas sobre cadastro.

Quem recebe o Auxílio Brasil?

Há três possibilidades para recebimento do Auxílio Brasil:

  • Se já tinha o Bolsa Família: Auxílio Brasil será pago automaticamente;
  • Se está no CadÚnico, mas não recebia o Bolsa Família: vai para a lista de reserva;
  • Se não está no CadÚnico: é preciso buscar um CRAS para registro, sem garantia de receber.

O benefício se destina a famílias em situação de extrema pobreza. Famílias em situação de pobreza também podem receber, desde que tenham, entre seus membros, gestantes ou pessoas com menos de 21 anos.

As famílias em situação de extrema pobreza são aquelas que possuem renda familiar mensal per capita de até R$ 105. As em situação de pobreza têm renda familiar mensal per capita entre R$ 105,01 e R$ 210.

Atual calendário do Auxílio Brasil em setembro

Final do NIS Datas de pagamento
1 19 de setembro
2 20 de setembro
3 21 de setembro
4 22 de setembro
5 23 de setembro
6 26 de setembro
7 27 de setembro
8 28 de setembro
9 29 de setembro
0 30 de setembro
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.