Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Auxílio Brasil: como saber se o dinheiro do programa caiu na conta

De acordo com as informações oficiais, o Governo Federal deve começar os pagamentos do Auxílio Brasil ainda nesta semana

O Governo Federal deve começar dentro de mais alguns dias os pagamentos do Auxílio Brasil. Para quem não sabe, esse é o programa que deve substituir o Bolsa Família. Só que mesmo diante da proximidade dos repasses, muita gente ainda tem dúvidas sobre as liberações do benefício em questão.

Uma das principais dúvidas é a situação dos pagamentos. Como as pessoas irão saber se o dinheiro do programa caiu na conta? A boa notícia é que vai ser muito fácil saber isso. E nem vai ser preciso ir até o banco para saber se o montante em questão está por lá. Basta ter acesso à internet.

De acordo com informações do próprio Ministério da Cidadania, o valor do benefício vai cair desde as primeiras horas da manhã da data da liberação para o grupo do dia. Para ter essa certeza, o usuário pode consultar essa informação através do próprio aplicativo oficial do Auxílio Brasil. Ele já está disponível em lojas de aplicações no celular.

Mas essa não será a única forma de se fazer essa consulta. De acordo com as informações oficiais, também vai ser possível consultar essa informação pelo aplicativo Caixa Tem. Quem estava recebendo o Auxílio Emergencial ou mesmo o Bolsa Família sabe bem como funciona esse processo por essas aplicações.

Ainda há uma terceira maneira de fazer essa consulta. Para quem não tem internet, basta ligar para o centro de consulta do Ministério da Cidadania. A ligação é gratuita e o número é o 0800 726 02 07. Por lá, basta apertar a opção 3 e depois a opção 2. Eles irão pedir o número do CPF ou pelo menos do NIS.

Quem recebe primeiro?

Vale lembrar que os pagamentos do Auxílio Brasil começam já neste mês de novembro. Mas acontece que, neste primeiro momento, apenas os usuários que estavam no Bolsa Família é que irão receber esse repasse. Estamos falando de algo em torno de 14,6 milhões de pessoas.

Ainda neste primeiro pagamento, os valores também não serão turbinados. O Presidente Jair Bolsonaro tinha prometido que pagaria um mínimo de R$ 400 por mês. Mas em novembro, as pessoas irão receber uma média de R$ 217.

E quem estava no Auxílio Emergencial?

De acordo com o Ministério da Cidadania, não há nenhuma garantia para os beneficiários que estavam no Auxílio Emergencial, mas que não estavam no Bolsa Família, irão receber o novo benefício. Esses brasileiros ainda terão que esperar. Há uma possibilidade de entrada em dezembro.

Quem fazia parte do Auxílio Emergencial e está dentro do Cadúnico vai ter uma chance de entrar no novo Bolsa Família em dezembro. Mas quem não está nesta lista, não vai poder sequer ser considerado para o novo benefício.

PEC dos Precatórios

Tudo isso, no entanto, ainda vai depender da aprovação da PEC dos Precatórios. Esse é o texto que, se aprovado, abre espaço dentro do teto de gastos em 2022. E isso abriria caminho para o aumento do tamanho do Bolsa Família.

Na última semana, a Câmara dos Deputados aprovou esse documento em dois turnos. Mas agora o documento ainda vai seguir para o Senado Federal. Por lá, os senadores ainda terão que aprovar a PEC em mais dois turnos.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.