Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio: atualização de calendários causa confusão entre beneficiários

O Governo Federal está pagando nesta semana a terceira parcela do Auxílio Emergencial. Muita gente não sabe, mas a Caixa Econômica Federal decidiu antecipar os pagamentos deste ciclo. Então o calendário oficial passou por uma alteração.

Isso acaba causando uma certa confusão na cabeça de muita gente. É que muitas pessoas acabam se confundindo na hora de procurar essas informações na internet. Ao buscar o termo “calendário Auxílio Emergencial” no Google, o cidadão acaba ficando na frente de várias opções de informação de várias fontes diferentes.

Na grande maioria das vezes essas notícias estão corretas, mas elas podem estar desatualizadas. Por isso, a primeira dica é verificar a data da publicação da matéria no portal. Assim, o cidadão vai ter a certeza de que aquela informação é a mais nova possível.

Uma dica para isso é usar os recursos que o próprio Google oferece para essa as buscas. No campo das ferramentas, é possível traçar uma linha temporal de pesquisa. Clicando na opção “nas últimas 24 horas” o cidadão vai ter acesso apenas ao que foi publicado naquele dia exato.

É importante também buscar mais de uma fonte de informação. Então se o internauta viu a data de pagamento em um site específico, é interessante também buscar um outro site para confirmar se essa informação bate. Assim, as chances de erro são bem menores.

Fontes oficiais

Outra saída para essa situação é buscar sempre a confirmação das fontes oficiais. No caso do Auxílio Emergencial, o Governo Federal oferece uma série de possibilidades de busca de informação em sites de órgão governamentais.

Para ver o calendário de pagamento e de saques do Auxílio, por exemplo, é importante confirmar os dados no site oficial da Caixa Econômica Federal. Por lá, eles mantêm os dados em constante atualização. Assim, se eles mudarem alguma coisa, lá será o primeiro lugar em que a alteração vai acontecer.

O problema é que não é aparentemente muito fácil encontrar a informação por lá. Para achar o calendário do Auxílio, por exemplo, o cidadão precisa rodar um pouco dentro do site da Caixa antes de encontrar os dados que está procurando. Críticos afirmam que o Governo precisa mudar isso.

Auxílio Emergencial

De acordo com informações do Ministério da Cidadania, o Palácio do Planalto está fazendo este ano pagamentos de parcelas que variam entre R$ 150 e R$ 375. Esses montantes são portanto notadamente mais baixos do que aqueles que se viu ainda no ano passado.

Além disso, o alcance do programa também caiu. Agora, ainda de acordo com o Ministério da Cidadania, cerca de 39,1 milhões de brasileiros recebem o dinheiro do projeto. Em 2020, o benefício chegou na casa de cerca de 70 milhões. Pelo menos é o que dizem os dados oficiais.

O Governo afirma que não deve mudar o valor ou a quantidade de pessoas que recebem o benefício. De qualquer forma, é muito provável que o programa passe por uma prorrogação. E de acordo com fontes do Palácio do Planalto, o Presidente Jair Bolsonaro deve anunciar isso ainda nesta semana.

2 Comentários
  1. Alziro da rocha Gonçalves Diz

    Boa noite fui mandado embora agora não consigo me escrever no programa do auxílio emergêncial !!!

  2. Alziro da rocha Gonçalves Diz

    Boa noite estou desempregado não consigo me escrever no programa do auxílio emergêncial fui mandado embora depois não consigo o auxílio emergêncial !!!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.