Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Após renúncias de mais de cem pesquisadores, diretor da Capes pede demissão

Flavio Anastacio de Oliveira Camargo deixou a entidade

Flavio Anastacio de Oliveira Camargo, diretor de avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), pediu demissão na terça-feira (14). Por isso, algumas semanas após perder 114 pesquisadores, o fato configura uma nova fase na crise da entidade, pois é a primeira renúncia de um funcionário do alto escalão da autarquia.

Apesar da diferença, todas essas pessoas eram atuantes nas avaliações dos cursos de mestrado e doutorado no país, assim como dos cursos que necessitavam de permissão para iniciarem.

Camargo alegou, em carta de exoneração enviada à direção da Capes, que não vinha se sentindo à vontade em seu cargo. “Não me sinto confortável na posição e penso que não será benéfica para o SNPG (Sistema Nacional de Pós-Graduação) a minha permanência”, disse ele. Segundo o G1, o ex-diretor estava no cargo desde setembro de 2020.

A Capes é o órgão com a função de avaliar cursos brasileiros de pós-graduação stricto senso (mestrado e doutorado). Seu funcionamento está ligado ao MEC (Ministério da Educação).

Capes se pronuncia acerca de demissões

A Capes divulgou, em nota desta quarta-feira (15), agradecimentos e considerações em relação ao desempenho de Camargo.

A menção foi por “seu trabalho e dedicação” enquanto diretor de avaliação. Em seguida, a entidade informou a determinação de substituição de quatro coordenadores de áreas da avaliação, que também renunciaram há pouco tempo.

Além disso, a presidente da organização, Cláudia Queda de Toledo, enfatizou a ligação com o Sistema Nacional de Pós-Graduação.

“Para a segurança da academia e a estabilidade de todo sistema, indicarei com muita cautela o nome de um ou uma grande cientista, a fim de que a academia se sinta muito segura na condução do processo de avaliação, que é a meta inarredável da minha presidência”, escreveu a presidente.

E então, o que achou da matéria? Compartilhe com quem precisa saber disso.

Não deixe de ler também – Trabalho aos domingos e teste de gravidez na demissão estão entre as propostas da Nova Reforma Trabalhista

 

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.