Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

5 dicas para lidar com o estresse após ser reprovado 

A reprovação pode acontecer para qualquer vestibulando ou concurseiro. E provavelmente, logo após, vem o estresse.

Esse sentimento avassalador, porém, pode afetar muito a saúde mental, assim como a continuidade nos estudos para tentar novamente ser aprovado nos certames. 

Como lidar então com essa situação? Selecionamos algumas dicas básicas, porém, que podem ajudar muito a driblar o estresse.

Pense positivo

Não se desespere se você não foi aprovado no vestibular, concurso público ou no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). 

Busque se alimentar de pensamentos positivos na próxima tentativa e dê o seu melhor nos estudos. 

Desse modo, você estará se alimentando de boas vibrações que o ajudarão a se superar nas próximas avaliações. 

Faça um plano anti-reprovação

Para conseguir se recuperar dos péssimos resultados, você deve avaliar suas prioridades e aprender quais são os seus pontos fortes e fracos que você enfrentou em avaliações anteriores. 

Só dessa maneira você conseguirá mudar suas estratégias de preparação e consequentemente obter melhores resultados. 

Dica: crie um cronograma colocando as matérias de maior dificuldade como prioridade. Respeite os horários de estudos para não incorrer em outra reprovação.

Aprenda com os erros

Quais os motivos que levaram você à reprovação no vestibular ou concurso? O motivo pode ter sido a perda de foco na preparação, ou então a estratégia não foi implementada de maneira inteligente. 

Além disso, o estresse e a ansiedade pré-prova pode ter atrapalhado. Liste todos os motivos e trabalhe neles para conquistar a aprovação na próxima tentativa. 

Procure ajuda para lidar com o estresse

Caso você esteja traumatizado por ter falhado ou por ter medo de falhar futuramente, procure ajuda para lidar com o estresse caso ele esteja insuportável. 

Conversar com os familiares, professores ou especialistas, como psicólogos, pode ser uma alternativa eficaz. 

Não subestime sua capacidade

Depois de ser reprovado, você sente que não pode fazer mais isso. Afinal, a segunda tentativa também pode não dar certo. 

Aí você começa a se alimentar de pensamentos negativos, como por exemplo: não ter capacidade de aprender, reter os conteúdos ou não consegue lidar com a dificuldade da prova.

Não se culpe pelo mau resultado. Duvidar de suas capacidades não ajudará em nada. 

Você passou por provas durante toda a sua vida e anos escolares e essa não deve ser encarada de outro modo.

Sendo assim, considere a reprovação como um aprendizado, aprenda com seus erros, levante a cabeça e tente outra vez. 

E então, gostou das dicas? Não deixe de ler também – Enem: Como a ansiedade pode afetar os estudantes.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.