Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4 HQs incríveis para ler durante a quarentena

As histórias em quadrinho, também conhecidas como HQ, são um gênero de texto que apresenta uma narrativa por meio de desenhos. Essas histórias são muito apreciadas pelo público, principalmente os mais jovens. A estrutura de um HQ segue os mesmos princípios de um texto narrativo comum. Desse modo, é constituída por elementos como enredo, personagens, espaço-tempo e clímax.

Além disso, as HQs podem ser compostas por meio da linguagem verbal ou não verbal. Outra característica que podemos destacar é o bom uso de recursos gráficos e onomatopeias. Esse gênero literário geralmente está presente em jornais, revistas e gibis.

O que ler?

Confira abaixo uma lista com algumas dicas de histórias fascinantes para você se divertir nesses meses em casa.

Mafalda

Em primeiro lugar apresentamos Mafalda, de Quino. Essa narrativa em formato de sátira conta a vida de uma menina que mora na cidade de Buenos Aires, Argentina, nos anos 70. Com inteligência e pureza, ela faz críticas ácidas ao contexto social e político Latino-americano e nos apresenta reflexões potentes e até filosóficas.

Maus

Através de uma fábula criativa o escritor Art Spiegelman narra a história da vida de seu pai, um judeu sobrevivente do Holocausto nazista. Assim, no livro, são atribuídos aos humanos características animais. Desse modo, os judeus são retratados como ratos, os alemães como gatos e os americanos como cachorros.

Uma história de Saravejo

Nesta HQ, produzida pelo jornalista Joe Sacco, a narrativa conduz o leitor através dos acontecimentos que resultaram na guerra civil em Saravejo, capital da Bósnia. Por meio da narrativa é possível visualizar o sofrimento e o caos social que atingia o povo da Sérvia, da Bósnia e da Croácia naquele momento histórico delicado.

Gen – Pés Descalços

Por fim, apresentamos Gens – Pés Descalços. O escritor e desenhista japonês Keiji Nakazawa descreve, por meio dessa série de mangás, as tristes consequências do bombardeio nuclear à cidade Hiroshima, em agosto de 1945. Desse modo, além de entretenimento, a série proporciona conhecimento sobre a história.

Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia também O que diz o Guia do MEC sobre a redação do Enem.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.