Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

10 piores desastres naturais do mundo

Um perigo natural é um evento que ocorre naturalmente e representa uma ameaça à vida humana ou à propriedade. A saber, os tais perigos naturais tornam-se desastres naturais quando realmente ocorre, causando perdas significativas de vidas e propriedades.

O impacto potencial de um desastre natural depende do tamanho e da localização do evento. Se o desastre ocorre em uma área densamente povoada, ele imediatamente causa mais danos à vida e à propriedade.

Houve inúmeros desastres naturais na história recente, desde o terremoto de janeiro de 2010 que atingiu o Haiti, ao ciclone Aila, que atingiu Bangladesh e a Índia em maio de 2009, matando aproximadamente 330 pessoas e afetando mais de 1 milhão.

Os 10 piores desastres naturais da história

Há um debate sobre quais são realmente os desastres mais mortais de todos os tempos, devido às discrepâncias no número de mortos, especialmente com os desastres que ocorreram fora do século passado.

Veja a seguir uma lista de dez dos desastres mais mortais registrados na história, do menor ao maior número estimado de mortes.

10. Terremoto de Aleppo (Síria 1138) – 230.000 mortos

9. Terremoto / Tsunami no Oceano Índico (Oceano Índico 2004) – 230.000 mortos

8. Terremoto Haiyun (China 1920) – 240.000 mortos

7. Terremoto Tangshan (China 1976) – 242.000 mortos

6. Terremoto de Antioquia (Síria e Turquia 526) – 250.000 mortos

5. Ciclone da Índia (Índia 1839) – 300.000 mortos

4. Terremoto Shaanxi (China 1556) – 830.000 mortos

3. Ciclone Bhola (Bangladesh 1970) – 500.000-1.000.000 mortos

2. Inundação do Rio Amarelo (China 1887) – 900.000-2.000.000 mortos

1. Inundação do Rio Amarelo (China 1931) – 1.000.000-4.000.000 mortos

Situação atual dos desastres mundiais

Todos os dias, ocorrem processos geológicos que podem perturbar o equilíbrio atual e produzir desastres naturais. Esses eventos são geralmente apenas catastróficos, no entanto, se ocorrerem em uma área onde afetem as populações humanas.

Avanços foram feitos na previsão de tais eventos; no entanto, existem muito poucos casos de previsão bem documentada.

Muitas vezes há uma relação entre eventos passados e eventos futuros e algumas áreas são mais propensas a desastres naturais (planícies aluviais, em linhas de falha ou em áreas previamente destruídas), mas o fato é que não podemos prever ou controlar eventos naturais, portanto, continuamos vulneráveis à ameaça de desastres naturais e aos impactos de desastres naturais.

E então, gostou de conhecer mais sobre os desastres naturais?

Não deixe de ler também – Geografia: Entenda o derretimento das calotas polares

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.