Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Santander abre leilão de imóveis com até 60% de desconto

O Banco Santander anunciou que irá leiloar 49 imóveis comerciais e residenciais por dez estados do país, com valores a partir de R$ 41,8 mil e com teto máximo de R$ 6,8 milhões, oferecendo descontos que chegam a até 60%. As vendas vão ser feitas através da Internet, pela plataforma Superbid Marketplace.

A venda de lotes vai ser aberta na próxima quinta-feira (28), referentes aos lotes comerciais. A partir da próxima sexta-feira (29), o Santander vai liberar os lances para os imóveis residenciais. Os interessados vão encontrar oportunidades que vão desde casas, apartamentos, salas, galpões e até terrenos distribuídos pelas regiões Sul, Sudeste e Nordeste.

A região Sudeste é a que concentra o maior número de imóveis, com 32 no total, sendo 13 deles se encontram no estado do Rio de Janeiro. Também é possível encontrar imóveis no Maranhão, Espírito Santo, Paraná, Minas Gerais, Pernambuco, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Santander destaca a valorização dos imóveis no Rio de Janeiro

Quem está interessado para se mudar para o Rio de Janeiro ou mesmo para a sua região metropolitana, como Niterói, é possível encontrar um apartamento de 182 m²  a partir de R$ 385,8 mil, até 45% abaixo do preço avaliado, ou mesmo procurar algo pela capital do estado, onde é possível comprar um apartamento compacto por R$ 210,2 mil, até 40% abaixo da avaliação.

Para quem está na procura de imóvel comercial e tem como finalidade investir, uma das alternativas poderia ser uma sala comercial de 554 m² em Santos, pelo custo de R$ 2,9 milhões ou algo mais econômico de até 42 m² em Recife, com custo total de R$ 276,3 mil.

Agora, se a sua intenção é adquirir o imóvel de maior valor do leilão do Santander, a alternativa pode ser um imóvel no Rio de Janeiro, que antes era ocupado por uma concessionária de automóveis. Sua avaliação está em torno de R$ 6,8 milhões. 

Este não será o primeiro saldão de imóveis neste ano que será organizado pelo Banco Santander, que havia organizado um leilão em março, distribuído por 16 estados do país.

O que considerar antes de realizar a compra de um imóvel

Todos os imóveis que foram postos à venda já estão com os débitos de condomínio e IPTU pagos até a data de início do leilão do Santander, banco que estará organizando o evento e oferecendo uma série de vantagens na hora de realizar o pagamento, a depender do método que for escolhido.

Os pagamentos à vista sempre terão mais vantagens do que parcelados, assim como ocorre com a maioria das promoções realizadas por empresas. Quem realizar a compra de um imóvel residencial, vai poder financiar até 80% do valor dentro de até 420 meses.

No caso de salas comerciais existe um limite de financiamento que foi imposto pelo Santander que será dentro de até 360 meses, com a observação de que lotes e terrenos só poderão ser adquiridos à vista. 

 

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.