Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.3/5 - (7 votes)

Pix Caminhoneiro: quem tem mais de um caminhão, recebe dobrado?

Segundo informações do Governo Federal, pagamentos do Pix Caminhoneiro começam oficialmente no próximo mês de agosto

A partir do próximo dia 9 de agosto, pouco mais de 900 mil motoristas de caminhão de todo o Brasil estarão começando a receber um novo auxílio social. Trata-se do Pix Caminhoneiro, que fará pagamentos mensais de R$ 1 mil por usuário em seis repasses que serão feitos entre os meses de agosto e dezembro deste ano.

Antes mesmo do início dos repasses, alguns cidadãos já estão apresentando dúvidas sobre o tema nas redes sociais. Uma delas gira em torno da questão da quantidade de caminhões que um mesmo cidadão tem. Afinal de contas, quem tem mais de um veículo poderá receber o valor dobrado? De acordo com o Ministério da Cidadania, a resposta é não.

Segundo as informações oficiais, o saldo recebido pelos motoristas de caminhão não tem qualquer relação com a quantidade de caminhões que o cidadão tenha. O mesmo pode-se dizer da jornada de trabalho. A quantidade de horas que o indivíduo passa na estrada não terá qualquer influência no valor que ele receberá.

Os questionamentos acontecem porque o Governo Federal confirmou o calendário de repasse do programa e ratificou a ideia de que os cidadãos receberão um valor dobrado já em agosto. Contudo, o patamar duplo não tem qualquer relação com o número de caminhões e nem com a jornada de trabalho que cada um executa por dia.

Pelas regras gerais estabelecidas pela PEC dos Benefícios, o Governo Federal precisa fazer seis pagamentos até o final do ano. Restam basicamente cinco meses completos até dezembro, então o Ministério precisa fazer uma liberação dupla em algum momento. O valor dobrado acontece em agosto, e logo depois, os cidadãos voltam a ganhar os valores regulares.

O processo de seleção do Pix Caminhoneiro

O Governo Federal afirma que os caminhoneiros não precisam se preocupar com o processo de seleção para entrada no programa Pix Caminhoneiro. Segundo as informações oficiais, a seleção acontecerá de forma automática.

O sistema é semelhante ao registrado no programa Auxílio Brasil do Governo Federal. Para quem não conhece o processo, o poder executivo apenas analisa os dados existentes para saber quem são os usuários que podem entrar no projeto.

No caso específico do Pix Caminhoneiro, a ideia é se basear nas informações contidas na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A expectativa é de que um resultado seja divulgado dentro de mais algumas semanas.

O calendário

Nesta segunda-feira (25), o Governo Federal divulgou os detalhes dos calendários de pagamentos dos seus novos programas sociais, incluindo o Pix Caminhoneiro.

Veja abaixo:

1ª Parcela: 9 de agosto;
2ª Parcela: 9 de agosto;
3ª Parcela: 24 de setembro;
4ª Parcela: 22 de outubro;
5ª Parcela: 26 de novembro;
6ª Parcela: 17 de dezembro.

A expectativa é que pouco mais de 900 mil pessoas sejam selecionadas para o programa social. De todo modo, os números poderão sofrer variações de acordo com o sistema de análises de dados da ANTT.

Além do Pix Caminhoneiro, o Governo Federal planeja iniciar os repasses do programa auxílio-taxista. Mais detalhes sobre as novas liberações acontecerão nos próximos dias, quando o Ministério publicará novas portarias sobre o tema.

4.3/5 - (7 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

3 Comentários
  1. CLAUDIO Diz

    Parabéns e desse tipo de reportagem que eu quero, muitas informações OBRIGADO

  2. Fabiano rocha Diz

    Como será feito o pagamento eu já tenho o caixa tem ,vou ter que estalar outro ou vai ser pago por esse mesmo

  3. Rodrigo Diz

    Muito bom

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.