Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Parcela de novembro do benefício Supera RJ é antecipada

Ainda hoje, 16 de novembro, beneficiários terão acesso à parcela que apenas se iniciaria no fim deste mês.

Recentemente, o Governo do Estado do Rio de Janeiro optou por adiantar a parcela referente ao mês de novembro do Supera RJ. Assim, o pagamento que apenas aconteceria no final do mês irá se iniciar hoje, 16 de novembro.

Além disso, também nesta terça-feira, o governo iniciará a concessão do valor adicional de R$ 80 aos mais de 112 mil beneficiários. Este valor se refere a um apoio a mais para a aquisição de gás de cozinha. Dessa maneira, ao todo, durante o mês de novembro, o governo do estado anunciou que irá investir cerca de R$ 36 milhões para  participantes do benefício Supera RJ. 

“Em outubro, conseguimos pagar no dia 15, dez dias antes do prazo. Nossos esforços estão concentrados para que, sempre que possível, o pagamento seja feito antes do dia 25 de cada mês. Sabemos da urgência que as pessoas têm para receber o auxílio porque a fome não espera. O programa vem sendo aperfeiçoado e nosso objetivo segue firme no enfrentamento à pobreza no estado do Rio de Janeiro”, relator o atual governador do estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro. 

Governo busca entregar os cartões

Depois de uma série de declarações sobre o atraso na entrega dos cartões, o estado do Rio de Janeiro está chegando aos participantes do programa. Nesse sentido, a gestão vem trabalhando para finalizar a entrega dos cartões do programa aos cidadãos que ainda não fizeram a retirada do mesmo.

O cartão é essencial para todos os participantes já que é a partir dele que será possível realizar compras de alimentos e outros itens essenciais. Assim, com a organização da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, a entrega ocorreu nas cidades de Petrópolis e em Mesquita. 

“Sabemos que existiu uma dificuldade para que as pessoas tivessem acesso ao cartão. Por isso, a Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos desenvolveu o protocolo de busca ativa em parceria com as prefeituras locais. Hoje, já temos 75 cidades cadastradas para ações. As equipes estão fazendo contato telefônico com as pessoas para avisá-las sobre os cartões. A ação em Petrópolis, a primeira que fizemos, foi muito bem-sucedida e já estamos planejando a próxima para ainda em novembro”, pontuou Matheus Quintal, secretário de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. 

Segundos dados apresentados pela secretaria, o número de cartões não retirados diminuiu de 51 mil para 21 mil unidades durante o último mês.

Supera RJ contou com uma série de atrasos

De acordo com o governo do Estado do Rio de Janeiro, mais de 21 mil participantes do programa assistencial relataram que ainda não receberam os cartões para efetuar o saque das parcelas. Isto é, os recursos já foram disponibilizados, contudo, sem os cartões os valores não podem ser utilizados. O pagamento da medida sempre ocorre todo dia 25 de cada mês. 

Primeiramente, o benefício paga o valor de R$ 200 mensais. Além disso, esta quantia pode ter um acréscimo de R$ 50 por cada filho, contudo com o limite de até duas cotas do complemento, chegando a um total de R$ 300. Com o problema, portanto, os participantes do Supera RJ que ainda estão sem seus cartões já deixaram de receber, até o momento, até R$ 1.500. 

O benefício será pago por meio de nove parcelas. No entanto, de acordo com o governo, o programa poderá se estender para o próximo ano caso a situação da pandemia da Covid-19 não esteja totalmente controlada.  

Por meio de nota oficial, o governo estadual do Rio de Janeiro publicou que vem trabalhando em parceria com as prefeituras para criar uma estratégia de busca ativa para conseguir realizar a entrega dos cartões.

Nova ferramenta de consulta

Em razão dos atrasos na entrega dos cartões, muitos participantes pediram por uma maior transparência do governo. Dessa maneira, seria possível entender melhor o que acontece no programa.

Assim, o benefício Supera RJ contará com mais uma ferramenta de transparência. Agora, então, a página oficial do programa, disponível em www.superarj.rj.gov.br, apresentará um novo espaço para a consulta da verificação dos cadastros.

Para isso, basta somente que o cidadão preencha o número de seu CPF para ter acesso a diversas informações. Além disso, qualquer cidadão pode realizar a busca pelo nome da sua cidade para saber aqueles que recebem ou não o benefício.

O que é o Supera RJ?

A medida assistencial foi criada com a intenção de apoiar famílias que se encontrem em situação de pobreza e extrema pobreza. Ademais, com a intenção de ser um suporte aos que não poderiam participar do Auxílio Emergencial do Governo Federal, o programa chegou a quem não participa de outros programas sociais.

Por fim, ainda, o benefício se destina, também a grupos familiares de trabalhadores que forem dispensados de seus empregos durante a pandemia e que possuem salário abaixo de R$ 1.500.

Até o momento, então, o Supera RJ já conta com um investimento total de mais de R$ 170 milhões.

A ALERJ (Assembleia Legislativa do estado do Rio de Janeiro) aprovou a medida durante o mês de fevereiro e, em seguida, houve o anúncio de pagamentos em abril. Contudo, o benefício sofreu um atraso e só começou a partir do mês de junho e até agora algumas famílias não tiveram acesso a parcelas da medida.

Possui direito ao recebimento do programa o cidadão que reside no Rio de Janeiro e que possui inscrição no Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal. Além disso, o mesmo também necessita de ter uma renda familiar mensal per capita igual ou inferior a R$ 178,00 e não ser beneficiário de nenhum outro programa de transferência de renda ou benefício social.

Participantes do Supera RJ denunciam fraudes em saques do benefício

Diversos participantes do Supera RJ vêm reclamando da dificuldade para ter acesso às parcelas do programa assistencial do estado do Rio de Janeiro.  Nesse sentido, cerca de  20 mil famílias não conseguiram ter acesso à quantia. Enquanto alguns relatam a falta do cartão, outros alertam para o saque irregular de seus valores. 

Sobre as possíveis fraudes, o governo relatou que a coordenação do programa vem analisando os casos. Assim, orienta que todos os atingidos realizem boletim de ocorrência na delegacia. Em conjunto, é importante se dirigir a um dos postos do programa a fim de dar entrada na segunda via.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

3 Comentários
  1. Robson Costa Tavares Bezerra Diz

    A alelo, que produz o cartão. Também não informa nada e nem dá previsão. Tá difícil. O governo precisa intervir para resolver isso.

  2. Rosana de Alvarenga leite Diz

    Desde de julho que os valores vem sendo depositado em meu Nis.
    Só que meu cartão nunca fica pronto.
    Já fiz varias reclamação na ouvidoria do programa e nada .
    Estou desempregada passando necessidades com 2 crianças pequenas

  3. Veronica de Araújo marinho Diz

    Fiz meu cadastro no supera RJ em 02/07 e até hoje não recebi meu cartão entro no site e fiz que o cartão está sendo produzido… E nada ligo e eles não sabem informar nada não dão se quer um prazo pra entrega do cartão

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.