Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Polícia Civil investiga tentativa de fraude em concurso da PM DF


A Polícia Civil do Estado de Goiás deflagrou na última quarta-feira, 17 de abril, a operação Passari Avanti, que investiga uma possível fraude no concurso público da Polícia Militar do Distrito Federal (PM-DF) de Oficiais, divulgado em 2016. A corporação suspeita que candidatos teriam falsificado títulos para aumentar a pontuação no certame.

A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes contra a Administração Pública (DERCAP), sob o comando do delegado Alexandre Otaviano Nogueira, cumpriu dois mandados de busca e apreensão em Goiânia, na residência de um policial militar de Goiás e da sua mulher, e também no estabelecimento de ensino que pertence ao casal.

O inquérito policial tem objetivo de apurar a prática de crimes de falsidade ideológica, uso de documento falso e associação criminosa relacionada à confecção de declarações e certificados de conclusão de cursos de pós-graduação. Nas buscas, a polícia apreendeu aparelho de telefone celular, computadores, carimbos e documentos relacionados à investigação.

Concurso da PM-DF Oficiais foi divulgado em novembro de 2016 com 50 vagas

A Polícia Militar do Distrito Federal divulgou a abertura de concurso público para Oficiais com objetivo de preencher 50 vagas. De acordo com o edital divulgado, as oportunidades foram destinadas aos candidatos do sexo masculino (45) e feminino (05) no Curso de Formação de Oficiais Policiais (CFOPM).

Para concorrer a uma das vagas, o candidato precisou ter nível superior em qualquer área. Além disso, ter idade entre 18 e 30 anos, 1,65m de altura (homens) e 1,60m (mulheres) foram requisitos para concorrer a uma das vagas no certame.

A remuneração durante o primeiro e segundo ano do CFO foi de R$ 5.202,59. Durante o terceiro ano, a remuneração chegou a R$ 6.112,87. O salário como Aspirante-a-Oficial PM chega a R$ 10.147,13. Por fim, a remuneração como segundo tenente é de R$ 11.894,25. Os valores citados estão com base com o último edital.

topapostilas.com.br

O concurso contou com as seguintes etapas:

a) exame de habilidades e conhecimentos, mediante a aplicação de provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade do IADES;

b) exame de habilidades e conhecimentos, mediante a aplicação de prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade do IADES;

c) testes de aptidão física, de caráter eliminatório, de responsabilidade do IADES;

d) exames biométricos e avaliação médica, de caráter eliminatório, de responsabilidade do IADES;

e) avaliação psicológica, de caráter eliminatório, de responsabilidade do IADES;

f) sindicância da vida pregressa e investigação social, de caráter eliminatório, de responsabilidade da PMDF;

g) prova de títulos, de caráter classificatório, de responsabilidade do IADES.

Avaliações tiveram 70 questões

As avaliações foram aplicadas com questões de Língua Portuguesa (08 questões); Língua Inglesa (06 questões); Legislação PM DF (08 questões); Criminologia (04 questões); Direitos Humanos (04 questões); e Conhecimentos Específicos (40 questões).

Leia Também:

top planilha

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.