Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Instituições federais de ensino do Rio preparam a retomada gradual às aulas presenciais

Após decisão judicial determinar o retorno obrigatório das aulas presenciais nas instituições federais de ensino do Rio de Janeiro, algumas delas começaram a divulgar datas para a retomada das atividades. 

Apesar de muitas instituições criticarem a decisão da Justiça, parte delas já estão organizando a retomada gradual das aulas presenciais.

A Justiça definiu em 25 de outubro a volta às aulas presenciais. De acordo com a decisão, as intuições federais de ensino teriam duas semanas para organizar o retorno. A decisão é do desembargador Marcelo Pereira da Silva, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região.

Na ocasião, a reitora da UFRJ, Denise Pires de Carvalho, afirmou que a decisão desrespeita a autonomia da universidade. No entanto, a instituição já definiu a retomada das aulas presenciais para o dia 16 de novembro. Na terça-feira (16) também deve dar início à retomada gradual a Unirio (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro).

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ), por sua vez, já está com algumas atividades presenciais.

Instituições receberam intimação em 8 de novembro

O prazo de duas semanas para o cumprimento da decisão judicial passa a contar do dia de intimação de cada instituição. 

De acordo com informações do tribunal, as instituições (IFRJ, UFRJ, Unirio, Ines e UFRRJ) receberam a intimação no dia 8 de novembro. Desse modo, as instituições devem retomar as aulas presenciais até 22 de novembro, caso a liminar não seja derrubada.

A UFRJ, a Unirio e a UFRRJ decidiram recorrer da decisão. As instituições podem apresentar recursos contra a decisão até o dia 24 de janeiro de 2022 mesmo após cumprir a determinação. 

Apesar de estabelecer data para o retorno, o reitor da Unirio, Ricardo Silva Cardoso, enviou ofício ao MPF e à Advocacia-Geral da União no último dia 8. No documento o reitor fala sobre as dificuldades para planejar o retorno das aulas presenciais em curto espaço de tempo.

Com informações da Agência Brasil.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia também UPE divulga os locais de prova das duas primeiras etapas do SSA 2022.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.