Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Educador Nota 10: projeto sobre África é destaque

Trabalho fica entre os dez melhores do Prêmio Educador Nota 10 e vira tema de mestrado no âmbito do Proeb

Um projeto de aulas para o ensino fundamental ‘Viajando pela cultura africana’, deu à Suzi Dorneles Rocha, professora de Educação Física, a oportunidade de ficar entre os dez vencedores do Prêmio Educador Nota 10. Nele, temas como identidades africanas e afro-brasileira são estudados a partir de jogos e brincadeiras de países como Moçambique, Nigéria e Senegal.

A iniciativa se desenvolveu no âmbito do Programa de Mestrado Profissional para Professores da Educação Básica, o Proeb, oferecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

Além da dissertação ‘Viajando pela cultura africana e afro-brasileira: relações étnico-raciais na educação física’, o trabalho resultou em um e-book com planejamento pedagógico sobre a identidade africana e afro-brasileira e em um pequeno documentário, de 23 minutos, que tem a participação de alunos, mães e pais envolvidos na iniciativa. Suzi Rocha foi mestranda em Educação Física pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus Bauru, mesma cidade da Escola Estadual José Ranieri, onde lecionou.

Segundo a professora, a principal motivação para o trabalho foi a vontade de diversificar o conteúdo pedagógico sobre países africanos. “Sempre me interessei por essas culturas, desde a formação inicial. Não tive muitas experiências em sala de aula para além do tema da escravidão. E vai muito além disso”, observou, destacando que um dos aspectos mais relevantes “foi o envolvimento de toda a comunidade escolar, que participou ativamente e reconheceu a riqueza do processo”.

O sucesso fica evidente no vídeo do projeto, disponível no canal da professora, no Youtube. As crianças demonstram o conhecimento adquirido nas aulas e relatam ter ensinado as brincadeiras africanas para amigos e vizinhos, ao passo em que os pais contam como isso os aproximou do ambiente escolar. Esta semana, o reconhecimento cresceu: dos 3.761 inscritos na premiação das Fundações Victor Civita e Roberto Marinho, o trabalho se classificou entre os dez melhores.

Proeb

O Programa de Mestrado Profissional para Professores da Educação Básica (Proeb) pretende dar formação continuada stricto sensu a professores em exercício, em parceria com as instituições de ensino superior e os sistemas de educação estadual e municipal. A CAPES concede bolsas aos estudantes e fomento aos cursos nas modalidades semipresencial pelo Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). *Com informações da Assessoria de Imprensa da Capes.

 

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?