Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Dataprev liberou consulta para próximas parcelas do Auxílio Emergencial 

Beneficiários podem conferir se receberão a próxima parcela do programa.

Recentemente a Dataprev comunicou a liberação da realização de consultas sobre as próximas parcelas do Auxílio Emergencial. Desse modo, os beneficiários poderão conferir se também terão acesso à próxima parcela.

Nesse sentido, segundo o Ministério da Cidadania, somente no ano de 2021, cerca de 39,4 milhões de pessoas já receberam alguma parcela do Auxílio Emergencial, chegando a quantia de R$ 35 bilhões de investimento na medida. Atualmente, o benefício conta com valores que variam entre R$ 150, R$ 250 e R$ 375 de acordo com a constituição familiar de cada cidadão.

Atualmente, o governo federal está finalizando os depósitos dos valores referentes à quinta parcela do programa, que se iniciou em 18 de agosto. Para os beneficiários do Bolsa Família, já é possível ter acesso tanto ao depósito e ao saque em dinheiro. Contudo, para os demais, há o depósito na Conta Poupança Social Digital para movimentação por meio do aplicativo Caixa Tem. Apenas em seguida este grupo poderá sacar o benefício.

Hoje, 31 de agosto, realiza-se o pagamento da quinta parcela para os últimos grupos. Isto é, para quem é do Bolsa Família com NIS de final 0 e para o público geral que nasceu em dezembro. Em breve, a liberação do saque em dinheiro acontecerá, assim como o depósito para a sexta parcela.

Para saber se o beneficiário poderá participar da próxima rodada, é necessário conferir no site da Dataprev.

Dataprev libera conferência para saber quem participará da sexta parcela

O Auxílio Emergencial é um programa do Governo Federal com a finalidade de dar assistência às pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade. Assim, com prorrogação de mais três meses, o benefício possui previsão de se encerrar em outubro deste ano. 

Para conhecer sua situação em relação ao benefício, o cidadão poderá consultar o site da Dataprev, disponível em dataprev.gov.br. Então, por meio da plataforma é possível efetuar a consulta de dados e informações sobre o recebimento do programa. Para isso, o cidadão deverá informar alguns dados pessoais, como nome completo, CPF e data de nascimento. 

Dentre os resultados do processo de consulta, está a consideração como elegível. Isto é, o que significa que o mesmo está apto para ter acesso aos próximos valores. Contudo, a situação do beneficiário também pode ser classificada como inelegível. 

Portanto, se a resposta for negativa, o trabalhador poderá solicitar um pedido de contestação, que também pode ser efetuado pelo site da Dataprev. Isto é, se o mesmo discordar do resultado e entenda que possua condições para receber os valores. 

De acordo com o Ministério da Cidadania, até mesmo pessoas que receberam o benefício anteriormente podem não ter direito às parcelas futuras. Essa decisão se deu devido ao aumento da fiscalização e de uma triagem mensal, que ocorre antes da liberação de um novo lote de pagamentos. O objetivo é de identificar pagamentos indevidos para cidadãos que não se enquadram mais nos critérios de participação na medida. 

Quem será excluído do programa?

Levando em consideração que, a cada rodada, haverá uma nova análise critério, é importante se atentar para alguma mudança na realidade do beneficiário. Por exemplo, um participante que, antes, estava desempregado, agora pode ter iniciado um trabalho formal, com carteira assinada.

Desse modo, poderão ser excluídos do recebimento do Auxílio Emergencial 2021 os cidadãos que atendam pelo menos um dos critérios abaixo: 

  • Cidadão contratado com carteira assinada enquanto recebe o benefício; 
  • Cidadãos que recebem o seguro desemprego, benefícios previdenciários ou assistenciais do Governo Federal; 
  • Morte do beneficiário; 
  • Recebimento de pensão; 
  • Prisão do beneficiário; e 
  • Militares ou requerentes de classe média.

Depósitos da quinta parcela do Auxílio Emergencial se encerram hoje

A Caixa Econômica Federal finaliza durante hoje, 31 de agosto, os pagamentos da quinta parcela do Auxílio Emergencial. No caso daqueles que participam do Bolsa Família, então, isso ocorre já que o calendário do programa agenda seus pagamentos para os últimos dez dias úteis do mês. Portanto, iniciando no dia 18 de agosto, com aqueles de NIS com final 1, hoje finaliza-se o pagamento com os de NIS com final 0.

Já os beneficiários do público geral, a divisão ocorre por mês de nascimento. Assim, iniciando em 20 de agosto, com os aniversariantes de janeiro, hoje ocorreu o depósito para quem nasceu em dezembro.

É importante frisar que o processo de recebimento para estes se divide em duas datas, uma de depósitos e outra de saques. Desse modo, o saque se disponibilizará a partir da próxima quarta-feira, 1 de setembro.

Calendário de saque em dinheiro da 5ª parcela para o público geral

Alguns beneficiários como o público mais velho, por exemplo, possui preferência pelo recebimento em espécie, ou seja, realizando o saque em dinheiro. Por esse motivo, então, estes devem se atentar ao calendário específico para essa operação. Assim, poderão sacar nas seguintes datas aqueles que nasceram em:

  • 01 de setembro, quarta-feira: Janeiro; 
  • 02 de setembro, quinta-feira: Fevereiro; 
  • 03 de setembro, sexta-feira: Março; 
  • 06 de setembro, segunda-feira: Abril; 
  • 09 de setembro, quinta-feira: Maio; 
  • 10 de setembro, sexta-feira: Junho; 
  • 13 de setembro, segunda-feira: Julho; 
  • 14 de setembro, terça-feira: Agosto; 
  • 15 de setembro, quarta-feira: Setembro; 
  • 16 de setembro, quinta-feira: Outubro; 
  • 17 de setembro, sexta-feira: Novembro; 
  • 20 de setembro, seguna-feira: Dezembro.

Em seguida, prevê-se o pagamento da sexta parcela do benefício em 21 de setembro.

Calendário de depósito da 6ª parcela para o público geral

Logo no dia seguinte que se termina a liberação de saques em dinheiro da quinta parcela, o governo federal irá depositar a sexta parcela. Portanto os beneficiários receberão nos seguintes dias:

  • 21 de setembro, terça-feira: para quem nasceu em Janeiro; 
  • 22 de setembro, quarta-feira: aos que nasceram em Fevereiro; 
  • 23 de setembro, quinta-feira: para quem nasceu em Março; 
  • 24 de setembro, sexta-feira: aos que nasceram em Abril; 
  • 25 de setembro, sábado: para quem nasceu em Maio; 
  • 26 de setembro, domingo: aos que nasceram em Junho; 
  • 28 de setembro, terça-feira: para quem nasceu em Julho; 
  • 29 de setembro, quarta-feira: aos que nasceram em Agosto; 
  • 30 de setembro, quinta-feira: para quem nasceu em Setembro; 
  • 01 de outubro, sexta-feira: aos que nasceram em Outubro; 
  • 02 de outubro, sábado: para quem nasceu em Novembro;
  • 04 de outubro, segunda-feira: para quem nasceu em Dezembro.

Por fim, frisa-se a importância de realizar a conferência no site da Dataprev a fim de saber se o beneficiário terá os valores nas datas acima.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.