Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

CUIDADO: golpes contra novos empreendedores

Você pretende ser microempreendedor individual em 2022? Importante ficar atento para não cair em golpes, desde o início do processo que é abrir um MEI. 

Veja também: Dicas para economizar dinheiro em 2022

Muitos criminosos tentar se aproveitar e cobrar pela abertura de um falso MEI e também “roubar” dados das vítimas. Saiba que o processo é totalmente gratuito e é realizado por site governamental em poucos minutos – para acessar clique aqui.

O problema neste sentido está ainda para o fato de criminosos patrocinarem sites fraudulentos. “Nas plataformas de busca, se colocam muito bem ali para ter um certo destaque. E, com isso, às vezes o cidadão não tem a primeira opção com o site governamental”, disse Carlos Nacif, auditor-fiscal da Receita Federal, para o Fantástico.

Em nota ao Fantástico, o Google afirmou estar atento aos golpistas e que utiliza “sistemas automatizados e manuais para revisar os anúncios” e que quando o anúncio é ilegal e é identificado, “inclusive a partir de denúncias de usuários, toma providências para suspender o anúncio”.

Golpe do QR Code

Outra prática comum realizada pelos criminosos é o envio de QR-Code falso.

“Temos que ficar alerta com o golpe do QR-Code. Isso é uma nova forma de pagamento que o PIX nos trouxe e que já está presente nas nossas contas, de água, de telefonia, telefone celular, de energia elétrica”, afirma Fabio Assolini, analista sênior de segurança digital.

O analista observa o seguinte para se proteger: “Na hora de pegar o seu celular e escanear aquele QR-Code, ele vai informar qual conta será creditada. Essa conta deverá estar no nome da empresa de telefonia, de água ou de energia elétrica”, continua Assolini.

Por isso, antes de pagar qualquer conta com QR-Code é preciso ficar atento na conta recebedora, mesmo que o e-mail ou mensagem enviada pareça verdadeira.

Lembre-se: na internet e com os golpistas é preciso ficar atento e se proteger! “Muito cuidado com links que você acessa. Muito cuidado com cadastros em locais duvidosos, muito cuidado com quem você compartilha as suas informações pessoais. Grande parte desses golpes que continuarão em alta em 2022 não ocorreriam se os criminosos não tivessem acesso tão fácil a esses dados pessoais”, afirma José Antonio Milagre, especialista em crimes cibernéticos.

Mande este artigo para outros amigos e se proteja sendo mais atento aos golpes na internet. Manter a atenção em cada detalhe pode ser fundamental para evitar grandes prejuízos financeiros!

Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.