Consulta Auxílio Brasil pelo CPF está LIBERADA. Saiba Como Fazer

A consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada! Veja como fazer!

A consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada pela Dataprev. Portanto, descubra como fazer e saber se terá direito a nova parcela de R$ 600 do benefício que voltou a se chamar Bolsa Família.

O MDS, Ministério do Desenvolvimento Social, liberou uma consulta à nova parcela do Bolsa Família, que no governo anterior recebeu o nome de Auxílio Brasil. Então, as mais de 21 milhões de famílias inscritas no programa vão receber o oitavo depósito do ano.

Vale ainda destacar que o governo federal já havia divulgado o calendário completo de pagamentos para o ano. Dessa forma, os depósitos são feitos nos últimos dez dias úteis de cada mês. 

Consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada

A consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada e pode ser feita tanto pelo aplicativo do programa, pelo site ou pelo aplicativo do Cadastro Único, o CadÚnico. Assim, as famílias conseguem confirmar se vão receber o benefício ou não.

Nos últimos meses o governo tem tomado medidas para tentar manter a fila de espera do programa zerada. Portanto, é importante que as famílias que se enquadram nos critérios do Auxílio Brasil façam sempre a consulta para ver se foram beneficiadas neste mês. 

Desde o anúncio do calendário de pagamento, milhares de brasileiros têm procurado os CRAs dos seus municípios para conferir se estão na lista de aprovados. Mas, também é possível verificar pela consulta, o que traz mais agilidade e facilidade. 

Aplicativo do Auxílio Brasil

Agora que sabe que a consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada, basta procurar o aplicativo do Auxílio Brasil e verificar por meio de seus dados pessoais se está apto ao benefício ou não. 

O download do app está disponível tanto para celulares Android quanto para iOS e de forma gratuita. Assim, em poucos minutos o usuário consegue conferir se ele receberá ou não o benefício.

Há ainda mais uma opção de verificar se você foi aceito no Bolsa Família, que é entrando em contato via telefone com a Central de Relacionamento do Ministério da Cidadania, por meio do número 121. 

Consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada e não é preciso de cadastro

É importante destacar que a consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada e não é preciso nenhum tipo de cadastro para isso e nem para receber o benefício. Isso porque, todos os meses o governo faz uma averiguação para verificar se as famílias continuam seguindo os critérios do programa. Além disso, há novas inclusões mensais.

De janeiro a dezembro do ano passado, quase 8 milhões de famílias foram inseridas no programa pelo governo federal. Dessa forma, o ano finalizou com quase 22 milhões de lares brasileiros sendo atendidos.

A base dos beneficiários é renovada todos os meses, então, é importante que os usuários sempre verifiquem se vão ou não receber o valor do Auxílio Brasil. Afinal, em um período ele pode estar apto e no outro não.

Por fim, em julho deste ano o número de famílias beneficiadas caiu, atingindo 20,9 milhões. Mas, neste mês de agosto, após a renovação da base, o número subiu para 21,14 milhões.

Ligue para mais informações

A consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada e você também pode fazer a verificação por telefone, se preferir. Portanto, ligue para o número 0800 707 2003, de forma gratuita. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h e nos fins de semana e feriados das 10h às 16h. 

Consulta Auxílio Brasil pelo CPF está liberada e o calendário também

Além da consulta do benefício do Auxílio Brasil, os usuários também podem conferir o calendário de pagamento do mês de setembro de 2023. Então, veja a seguir quais as datas e prepare-se:

  • 18 de setembro para beneficiários com NIS final 1;
  • 19 de setembro para beneficiários com NIS final 2;
  • 20 de setembro para beneficiários com NIS final 3;
  • 21 de setembro para beneficiários com NIS final 4;
  • 22 de setembro para beneficiários com NIS final 5;
  • 25 de setembro para beneficiários com NIS final 6;
  • 26 de setembro para beneficiários com NIS final 7;
  • 27 de setembro para beneficiários com NIS final 8;
  • 28 de setembro para beneficiários com NIS final 9;
  • Por fim, 29 de setembro para beneficiários com NIS final 0.

Dessa forma, se for beneficiário do programa já fique atento às datas de pagamento, porque de acordo com o final do NIS o valor será pago em sua conta.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.