Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso PM MT 2021: Governador anuncia novo edital para outubro

Segundo informou o chefe do executivo estadual, o documento deverá ser finalizado nos próximos 15 dias. As informações foram confirmadas por meio de entrevista à Rádio CBN Cuiabá.

A Polícia Militar do Estado do Mato Grosso vai abrir um novo edital de concurso público (Concurso PM MT 2021) em breve. O Governador do Estado, Mauro Mendes, anunciou nesta quarta-feira, 29 de setembro, a informação de que o edital da corporação será publicado no mês de outubro.

Segundo informou o chefe do executivo estadual, o documento deverá ser finalizado nos próximos 15 dias. As informações foram confirmadas por meio de entrevista à Rádio CBN Cuiabá.

“Acredito que nos próximos 15 dias eu já fecho isso lá. Estamos trabalhando para que a Segurança fique melhor, para que ela seja mais eficiente”.

Após o fechamento do edital do concurso, o documento será apresentado ao governador do estado. Caso seja autorizado, o documento pode sair no Diário Oficial do Estado. O quantitativo de vagas do concurso será divulgado em breve.

O Governador revelou que faz questão de acompanhar o andamento do concurso para averiguar quais são as reais necessidades diante das demandas apresentadas por seus secretários.

De acordo com o governador do estado, foi possível construir um equilíbrio fiscal e agora o orçamento não é mais um problema para abrir o concurso.

“Tínhamos limitações, por questões orçamentárias, não podíamos contratar para não aumentar despesa com pessoal. Mas, graças a Deus e a todo o trabalho que foi feito, nós construímos novamente o equilíbrio fiscal de Mato Grosso. E a boa notícia é que no segundo semestre deste ano nós vamos soltar um novo concurso”, disse.

Comissão formada

Em agosto, o governo do Estado formou a comissão organizadora do concurso da Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. Os integrantes são responsáveis por conduzir os preparativos internos das seleções.

O grupo de trabalho formado deverá realizar o levantamento dos cargos com maior necessidade e orçamento disponível para as nomeações. As comissões também terão missão de realizarem o projeto básico do concurso, que funcionam como um espelho para os editais.

Os documentos vão fazer parte do processo de escolha da banca organizadora do concurso. A empresa terá missão de receber inscrições e aplicar as etapas da seleção, como provas objetivas.

Segundo o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, em março deste ano, uma média de 300 profissionais deixam a corporação por ano, seja por aposentadorias, mortes, exonerações ou desligamentos em geral.

“O estado de Mato Grosso cresce 10% ao ano em média. Já na segurança nós temos, fazendo um recorte na Polícia Militar, por exemplo, uma média de inativação de 300 profissionais por ano, entre aposentadorias, mortes e expulsão. Desde que foram chamados os últimos policiais, em 2015, temos até hoje uma média de baixa de 1.500 homens”, disse o secretário.

Últimos editais

O último edital de concurso para Polícia Militar do Mato Grosso e Corpo de Bombeiros foi aberto em 2012, quando foram abertas 30 vagas para oficiais, sendo 27 para homens e três para mulheres. A Covest, Diretoria de Concursos e Vestibulares da Universidade do Estado de Mato Grosso, foi a banca organizadora.

Na época, os salários chegaram a R$3.548,94 durante o curso de formação e de R$5.467,94 depois da conclusão.

Além da escolaridade, foi necessário ter idade entre 18 e 25 anos de idade na data da matrícula e altura mínima de 1,67m para o sexo masculino e 1,57m para o feminino.

O concurso contou com prova objetiva, avaliação física, avaliação psicológica, avaliação médica e odontológica e investigação social e funcional.

A prova objetiva contou com questões de Física, Biologia, Matemática, Geografia, Língua Estrangeira, Química, História, Língua Portuguesa e Literatura. Os aprovados nas etapas ainda passaram pelo curso de formação.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.