Concurso CNJ: confira as próximas datas do cronograma e não perca nenhum prazo

Concurso CNJ: confira as próximas datas do cronograma e não perca nenhum prazo

Candidatos passarão por provas objetiva e discursiva.

Edital CNJ traz vagas para técnicos e analistas com iniciais até R$13.994,78.

As inscrições para o concurso do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) foram encerradas! Mas nem por isso o candidato deve se desligar do edital.

É importante estar atento a todas as datas e prazos para não ficar de fora da seleção e correr o risco de perder a vaga dos sonhos.

Por isso, veja a seguir as próximas datas mais importantes e já deixe tudo anotado na agenda:

  • Resultado provisório da solicitação da isenção da taxa de inscrições – 09 a 13 de maio;
  • Prazo para interpor recurso contra o resultado da isenção das inscrições – 10 a 13 de maio;
  • Resultado final das isenções – 20 de maio;
  • Data final para o pagamento da taxa de inscrição – 22 de maio;
  • Divulgação dos locais de prova – 18 de junho;
  • Data da prova objetiva e discursiva – 30 de junho;
  • Liberação dos gabaritos provisórios – 02 de junho.

O cronograma completo pode ser consultado diretamente no edital do concurso, clicando aqui.

Concurso CNJ irá preencher 60 vagas

Ao todo, o concurso CNJ irá preencher 60 vagas para cargos de técnico e analista, ambos com exigência de nível superior, distribuídas entre os seguintes cargos e áreas, acompanhe:

Técnico Judiciário

  • Área Administrativa: 28 vagas;
  • Apoio especializado em Programação de Sistemas: 12 vagas.

Analista Judiciário

  • Área Administrativa em Pedagogia: 1 vaga;
  • Apoio especializado em Análise de Sistemas: 1 vaga;
  • Apoio especializado em Arquitetura: 1 vaga;
  • Apoio especializado em Ciências Sociais: 1 vaga;
  • Apoio especializado em Engenharia Elétrica: 1 vaga;
  • Área Judiciária: 15 vagas.

Do total de vagas ofertadas, vale destacar que 20% delas são destinadas a candidatos negros, 3% a candidatos indígenas e outras 5% para candidatos pessoa com deficiência.

Os candidatos aprovados contarão com remuneração mensal de R$ 8.529,65 para os cargos de técnico, e R$ 13.994,78 para os cargos de analista.

Fora isso, os aprovados ainda têm direito aos seguintes benefícios:

  • Auxílio-alimentação de R$1.393,10;
  • Assistência pré-escolar de R$1.178,82;
  • Assistências médica e odontológica.

Para concorrer a uma das vagas, o candidato deve ter formação na área especifica da vaga, além de possuir mais de 18 anos, ser brasileiro e estar em dia com as justiça eleitoral e militar (no caso de candidatos do sexo masculino).

Concurso CNJ: confira as próximas datas do cronograma e não perca nenhum prazo
Candidatos passarão por prova objetiva e discursiva. Imagem: Divulgação

Candidatos passarão por prova objetiva e discursiva

O concurso CNJ contará com provas objetiva, discursiva e avaliação de títulos, sendo as duas primeiras eliminatórias e classificatórias.

As provas serão aplicadas no dia 30 de junho de 2024 na cidade de Brasília. Para o cargo de técnico, as provas serão realizadas no período da tarde e terão duração de quatro horas e meia.

Já para os cargos de analista as provas serão realizadas na parte da manhã e contarão com cinco horas totais de duração.

Os candidatos serão avaliados por meio de 120 questões do tipo certo ou errado, distribuídas entre 50 questões de conhecimentos básicos e outras 70 questões de conhecimentos específicos.

Os conteúdos exigidos serão:

  • Língua Portuguesa
  • Matemática e Raciocínio Lógico;
  • Ética, Transparência e Responsabilidade Social no Serviço Público;
  • Noções de Administração Pública (exceto o cargo de técnico na área Administrativa);
  • Noções de Direito Administrativo (exceto para o cargo de analista na área Judiciária);
  • Noções de Direito Constitucional (exceto para o cargo de analista na área Judiciária);
  • Normas Institucionais; e
  • Conhecimentos Específicos.

Já a prova discursiva contará com o seguinte conteúdo:

Analista: duas questões discursivas sobre Conhecimentos Específicos da área/especialidade, sendo que uma deve ser respondida em até 30 linhas, com valor máximo de 40 pontos, e a outra deve ser respondida em 20 linhas, com valor de 20 pontos.

Técnicos: uma questão discursiva de Conhecimentos Específicos da área/especialidade que deve ser respondida em até 30 linhas, com pontuação total de 40 pontos.

Clique aqui para ler o edital do concurso CNJ na íntegra.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.