Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Como o estresse pode afetar a qualidade de vida no trabalho?

Saiba quais são os impactos do estresse no bem-estar do colaborador.

Você já parou para pensar em como o estresse pode afetar a qualidade de vida no trabalho? Já parou para refletis sobre como uma simples crise de estresse pode diminuir a satisfação com o trabalho?

Pois é! Hoje nós vamos discutir exatamente esses pontos. Acompanhe.

Como o estresse pode afetar a qualidade de vida no trabalho?

O estresse, nos seus mais diversos níveis, pode desencadear efeitos intensos na vida de qualquer pessoa, caso não seja bem manejado e gerenciado. Afinal, a nossa saúde mental pode se abalar com a sensação de sobrecarga que os momentos de estresse propiciam.

Sendo assim, abaixo listamos outros pontos que também podem aparecer em decorrência do estresse no trabalho. Veja:

1- Sensação de esgotamento que afeta a saúde mental como um todo

Quando nos estressamos, estamos vivendo o que chamamos de “excesso de presente”. E, se há um excesso, é porque algo não está sendo bem gerenciado.

Costumeiramente isso pode ser a carga de trabalho, que quando mal gerenciada, deixa qualquer pessoa com a sensação de esgotamento. Essa sensação desencadeia um efeito nocivo na saúde mental como um todo, no qual o indivíduo pode sentir:

  • Falta de motivação;
  • Insatisfação com o trabalho;
  • Revolta de ter que fazer determinadas tarefas;
  • Desesperança;
  • Entre outros efeitos.

2- Diminuição na concentração e no foco

Outra forma de que o estresse pode afetar a qualidade de vida no trabalho é através da diminuição do foco e da concentração. 

Quando nos estressamos, dificilmente conseguimos voltar a nossa atenção para o que deve ser feito, e ficamos repetindo o problema em nossas mentes. Isso diminui o foco na atividade que deveria ser finalizada.

3- Maior probabilidade de erros e equívocos

Seguindo o ponto acima, a falta de concentração também é a mola propulsora de uma maior probabilidade de erros e equívocos. Afinal, se não estamos dando a devida atenção, podemos cometer erros com mais recorrência, concorda?

E esses erros, sejam pequenos ou grandes, podem afetar a qualidade de vida de qualquer pessoa. Primeiro porque ninguém gosta de errar, segundo porque esses erros por desatenção podem provocar prejuízos como descontos no salário e, pior que isso, acidentes de trabalho.

4- Conflitos interpessoais podem ser mais recorrentes

O estresse, quando não bem gerenciado, pode tornar qualquer conflito interpessoal mais intenso. Assim, o que poderia passar despercebido se torna algo grandioso, que provoca muitas brigas e discussões desnecessárias.

Esses conflitos podem minar o bem-estar de qualquer pessoa no trabalho, que poderá sentir reflexos na sua motivação e felicidade no ambiente corporativo. Até porque não é nada agradável brigar com alguém, concorda?

O ambiente de trabalho precisa propiciar o bem-estar

Até aqui vimos alguns pontos sobre como o estresse pode afetar a qualidade de vida no trabalho. Por ora, sabemos que quando não bem gerenciado, as crises de estresse podem criar efeitos nocivos na qualidade de vida de qualquer pessoa.

Por isso, o melhor a se fazer é manter uma constante avaliação do ambiente de trabalho. O que pode ser melhorado? Quais ações de bem-estar podem ser implementadas? Pense sobre isso e priorize a saúde mental dos seus colaboradores.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.